A Grande Pirâmide brilhou “como uma estrela” 4.500 anos atrás?

Tempo de leitura: 2 min.

A aparência das pirâmides de Gizé há 4.500 anos é um mistério. Só podemos teorizar e imaginar. Algumas lendas, no entanto, sugerem que a Grande Pirâmide completa, revestida de calcário branco finamente polido, brilhava como uma estrela, visível a quilômetros de distância.

A Grande Pirâmide brilhou “como uma estrela” 4.500 anos atrás?
Teria a Grande Pirâmide do Egito, ao centro, brilhado como uma estrela ao refletir a luz do Sol.

Se você perguntar a um egiptólogo sobre as Pirâmides de Gizé, sua história, significado e propósito, a resposta é direta: As pirâmides foram construídas como túmulos antigos para os faraós falecidos.

De fato, acredita-se que a Grande Pirâmide de Gizé represente especificamente o esforço culminante dos construtores da pirâmide. É a maior já construída no Egito. Como o egiptólogo Ahmed Fakhry coloca, a Grande Pirâmide não é apenas o maior monumento desse tipo já construído, mas pela excelência do acabamento, precisão e beleza, é a principal das sete maravilhas do mundo antigo.

A Grande Pirâmide tem sido estudada ao longo dos anos. Os egiptólogos a estudam há mais de cem anos. Apesar disso, muitos mistérios permanecem. Um dos maiores é por que não há plantas ou textos mencionando sua construção. Não há nada da IV Dinastia que mencione a sua construção.

Um enigma

Você pensaria que construir uma estrutura tão grande exigiria muitos projetos. Sabemos que exigiu uma força de trabalho enorme. Exigiu um planejamento extraordinário. Foi um esforço gigantesco. Não apenas o transporte de algumas das pedras mais maciças, mas o esforço de colocá-las à medida que a pirâmide crescia. Nenhum arqueólogo tem a resposta definitiva de como isso foi feito. De fato, as tentativas de replicar a construção da pirâmide, ainda que em menor dimensão, nos tempos modernos falharam.

Permanece um mistério completo como, por exemplo. os antigos egípcios transportaram algumas das pedras mais maciças de Aswan. Aswan era uma pedreira do Egito Antigo que produziu algumas das pedras mais maciças para a construção da pirâmide. Curiosamente, Aswan está localizada a cerca de 800 quilômetros do local de construção da pirâmide. Os egiptólogos dizem que as pedras enormes foram transportadas por barco.

Pedras enormes

A maioria dos blocos para a construção veio do Planalto de Gizé, mas outros foram importados de barco pelo Nilo. O invólucro é feito de calcário branco de Tura, enquanto a estrutura da Câmara do Rei é feita de blocos de granito de Aswan pesando até 80 toneladas cada.

O que talvez seja a coisa mais fascinante sobre a pirâmide é o número de pedras que ela apresenta. Acredita-se que um total de 2,3 milhões de blocos componha a Grande Pirâmide.

A construção envolveu 5,5 milhões de toneladas de calcário, 8.000 toneladas de granito e 500.000 toneladas de argamassa. Como isso foi adquirido, transportado e colocado no topo da pirâmide permanece um mistério. Os egiptólogos teorizam que foi através de enormes rampas de madeira que os antigos egípcios conseguiram. Como não há relatos escritos sobre isso, não podemos dizer com certeza.

Como eram as pirâmides

A aparência das pirâmides há mais de 4.500 anos é outro mistério. Como não há relatos da construção inicial descrevendo as pirâmides, não podemos saber como era sua aparência. Podemos teorizar, no entanto. Podemos imaginar como eram as gigantescas estruturas. Pelo seu tamanho, provavelmente podemos imaginar que as pirâmides foram incrivelmente decoradas. Alguns relatos, muito depois da construção das pirâmides, sugerem que a Grande Pirâmide, por exemplo, brilhava como uma estrela quando a luz do Sol refletia em sua superfície polida. Além disso, algumas histórias até sugerem que a Grande Pirâmide brilhava tanto que era visível a quilômetros de distância.

Este vídeo impressionante ilustra, em teoria, como o planalto de Gizé e sua pirâmide podem ter sido cerca de 4.500 anos atrás:

[O vídeo abaixo possui legenda em português. Para ativá-la, clique no ícone no formato de “engrenagem” na barra inferior direita do vídeo, e em “legendas/CC” selecione “português”]

(Fonte)


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Participe dos comentários mais abaixo… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo, ou use a chave PIX “OVNIHoje” (sem as aspas):

Agradecimentos aos colaboradores dos últimos meses: Edward de Lima, José de Castro, Teogenis de Oliveira, Egídia dos Santos, Silas Raposo, Reinaldo Galhardo, Luiz Buria, Silas Raposo, Maria Dorotea Soares..

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!