Astrofotógrafo detecta luzes estranhas que ele não consegue explicar

Tempo de leitura: 2 min.

Os objetos não eram satélites. Eles não eram asteroides. Não era a estação espacial. Era algo que, segundo ele, nunca tinha visto antes.

Astrofotógrafo detecta luzes estranhas que ele não consegue explicar
Captura de tela do vídeo apresentado.

Por Ivan Petricevic

Venho fazendo, ou melhor dizendo, tentei fazer astrofotografia nos últimos dois anos. Além disso, passei do básico para a fotografia mais complexa, usando rastreadores para compensar a rotação da Terra e assim por diante. Aprendi a fotografar a Lua e a Via Láctea e até fiz algumas fotografias de objetos do céu profundo. Não que eu esteja me gabando (sim, estou um pouco), você pode conferir algumas das minhas fotos aqui (tem que seguí-lo no Instagram para poder ver as fotos). Ao longo dos anos, aprendi muito. Aprendi que fazer astrofotografia não é tarefa fácil.

É estressante às vezes. Um pouco cansativo também. E também exige que você fuja para o lugar mais escuro possível, longe das luzes da cidade ou da poluição luminosa. No inverno, exige que você esteja em temperaturas congelantes. No verão, são os mosquitos que você tem que combater. Mas cada uma das minhas aventuras valeu a pena. E estou muito ansioso para aprender mais.

Muito do que aprendi sobre astrofotografia, aprendi com um amigo meu que é sem dúvida um dos melhores astrofotógrafos da Croácia, um homem chamado Branko Nad, ou como ele diz, BN Photography. Muitas das minhas aventuras na astrofotografia foram guiadas por ele. Na verdade, uma das minhas fotos de astrofotografia favoritas que tiramos juntos é esta, onde agimos como se estivéssemos sendo abduzidos por alienígenas.

As maravilhas do YouTube

Falando de alienígenas e astrofotografia, o YouTube é o meu lugar para tentar aprender novos truques sobre astrofotografia. Passei muito do meu tempo livre aprendendo sobre câmeras, lentes, rastreadores e tudo mais relacionado à astrofotografia. Então sigo muitas pessoas que considero especialistas na área. E recentemente, me deparei com um breve vídeo interessante no YouTube de um fotógrafo que sigo no YouTube (o vídeo tem um ano). Estranhamente, o vídeo principal não era sobre o aspecto da astrofotografia, mas sobre dois objetos estranhos que apareceram em seu timelapse de 21 fotografias, capturadas em nove minutos. No vídeo do YouTube, o astrofotógrafo cujo nome de usuário é Chuck’s Astrophotography explica que notou algo que nunca tinha visto antes enquanto fotografava o céu através de seu telescópio.

Ele explicou no vídeo:

“Este é um timelapse de 21 fotos que capturei em nove minutos.”

Ele continua dizendo:

“Os objetos apareceram bem na borda das minhas fotos. Eu nunca vi duas luzes atravessarem meu campo de visão dessa maneira antes. Agora, principalmente alguns satélites, eu vi piscar na minha tela em questão de segundos, e os asteroides não cobrem tanto espaço em nove minutos, então estes estão descartados.”

[Para instruções de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora esta não seja precisa, clique aqui.]

O que poderia ter sido?

Ele revelou que os objetos não identificados que viu em suas fotos foram capturados em 9 de setembro de 2021, às 10h33 EDT. Cada uma das imagens tem uma exposição de quinze segundos. Embora ele não consiga pensar em nada que possa explicar o que ele fotografou, ele esclarece que uma explicação pode ser que ele realmente fotografou um par de satélites geossíncronos. Esses satélites geralmente permanecem bloqueados em órbita com a Terra. No entanto, o que não faz sentido para ele é que, se fossem de fato satélites presos em uma órbita geossíncrona, por que os objetos não aparecem esticados na exposição de 15 segundos?

Embora o vídeo tenha sido capturado há um ano, decidi que valia a pena escrever uma vez que, não muito tempo atrás, perguntei ao meu amigo Branko Nad se ele acreditava em alienígenas. Na verdade, quando estávamos falando sobre ETs e OVNIs, estávamos no meio do nada. Estávamos sob o que é considerado o céu mais escuro da Croácia, fotografando as estrelas. Embora tenhamos visto alguns satélites, e alguns deles “fotobombados” em nossas fotografias, nunca vimos nada que o vídeo da astrofotografia de Chuck mostra.

Então acho que só vale dizer que a verdade está lá fora, minha boa gente. Então continue olhando para cima, admirando as maravilhas do universo.

(Fonte)


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Participe dos comentários mais abaixo… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo, ou use a chave PIX “OVNIHoje” (sem as aspas):

Agradecimentos aos colaboradores dos últimos meses: Edward de Lima, José de Castro, Teogenis de Oliveira, Egídia dos Santos, Silas Raposo, Reinaldo Galhardo, Luiz Buria, Silas Raposo, Maria Dorotea Soares..

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!