web analytics

Múmias de Nazca são mesmo anômalas e arqueólogos tradicionais estão irritados

Múmias de Nazca são mesmo anômalas

Dr. José de Jesúz Zalce Benitez – especialista forense da Escola Nacional de Medicina Forense do México, apresenta pontos interessantes sobre uma das múmias.

Pelo que tudo indica, Jaime Maussan está redimido, pois foram mostradas provas contundentes de que as múmias de Nazca são reais.

Ontem, foi transmitido ao vivo aqui no OH uma apresentação que durou mais de 4 horas 45 minutos, a qual ocorreu no Congresso da República do Peru, liderada pelo congressista peruano Armando Villanueva Mercado, onde foi mostrado por vários cientistas que analisaram as famosas múmias de Nazca de que estas são mesmo anômalas e, especialmente as menores (de 60 cm de altura), são completamente diferentes de qualquer humano.

Durante a apresentação dos resultados dos testes, várias informações impactantes foram proferidas com o apoio de slides mostrando os resultados dos testes, e abaixo está somente um resumo dessas informações, pois devido à extensão da apresentação, em tão breve artigo não poderei informar tudo. Assim, um segundo artigo sobre esta impactante apresentação será publicado logo que eu consiga compilar mais informações relevantes.

1) Os resultados de DNA confirma que as amostras não guardam uma relação direta a nenhum organismo do tipo animal conhecido ou descrito até o momento.

2) Os resultados dos testes de Carbono 14 possuem um período de datação aproximado, o qual implica uma origem taxonômica distinto ao conhecido ou descrito nas espécies terrestres já estudadas e referidas pela ciência.

3) Os ossos das múmias são ocos, como os de aves, porém muito rígidos, assim como os de alguns dinossauros. Há também um desgaste natural entre o conjunto de juntas e ossos, mostrando que as amostras não poderiam ter sido montadas, mas sim pertenciam a entes completos que estavam vivos.

4) Os estudos das imagens e sua reconstrução tridimensional identificou que a anatomia óssea, assim como as estruturas ovoides (4 ovos encontrados dentro de uma das múmias de 60 cm), a anatomia da pele, gordura, músculos, vasos sanguíneos, cavidade oral, aparelho digestivo, aparelho reprodutor, duto do ovário e as estruturas das articulações (músculos, tendões, ligamentos e cartilagem) possuem uma relação direta entre sua posição e trajetória, manifestando assim sua autenticidade e funcionalidade orgânica única e irrepetível entre indivíduos.

5) Todos os dados angariados indicam a viabilidade e veracidade de que seja um ente de uma espécie nova ou desconhecida, com uma origem biológica evolutiva única e distinta do que é conhecido na espécie humana, ou qualquer outra.

Como mencionado pelo deputado peruano Armando Villanueva Mercado, para a apresentação foi convidado o Ministério da Cultura do Peru, o qual não compareceu. Contudo, outros convidados acadêmicos, como universidades do Peru com representantes de suas faculdades de arqueologia, compareceram. E, como era de se esperar, ao final da apresentação os arqueólogos reclamaram que não tiveram participação dos testes e assim se mantinham duvidosos dos achados.

Arqueólogo irritado, diz que academia deveria ter participado, porém esqueceu que foram convidados mas desdenharam.

Contudo, apesar deles terem razão em parte ao dizerem que os protocolos científicos padrão não foram observados no início, um indivíduo entrevistado por Jaime Maussan ao final da apresentação lembrou que as instituições educacionais do Peru foram convidadas desde o início para acompanharem as análises, mas se negaram, inclusive com o Congresso Mundial sobre o Estudo de Múmias emitindo um parecer negativo, sem sequer analisar os corpos, e ameaçando processar a equipe que fez a descoberta. Porém, cientistas internacionais parecem ter abraçado a causa e deram sua contribuição para a resolução da mesma.

Certamente este caso, que já vem se estendendo desde o ano passado quando foi anunciada a descoberta dessas múmias, está só começando. E embora pareceu que tudo não passava de uma elaborada farsa, agora o jogo foi invertido.

Vamos esperar que os arqueólogos da tendência predominante não fiquem só reclamando e realmente contribuam para a determinação da origem desses seres. Afinal, este pode ser o caso arqueológico mais importante e impactante para a humanidade… se as confirmações não forem desbancadas, o que parece muito improvável agora.

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh