web analytics

Empresa russa quer mostrar anúncios publicitários a partir do espaço

Uma observação antes de chegarmos no artigo abaixo: No Brasil usa-se ERRONEAMENTE a palavra “outdoor” para designar “placa de propaganda”, quando o termo correto deveria ser “billboard“.  A palavra “outdoor” nunca poderia ter sido usada neste caso, pois funciona como um adjetivo em inglês, e não um substantivo.

Aqui estão alguns exemplos:

Outdoor activity: Atividade ao ar livre (qualifica o tipo de atividade). 

Outdoor restaurant: Restaurante ao ar livre (qualifica o tipo de restaurante).

E talvez um mais esclarecedor, –Outdoor billboard: Placa de propaganda ao ar livre (qualifica o tipo de placa de propaganda).

Na frase “Naquela rua tem um ‘outdoor’ da empresa X”, é a mesma coisa que dizer, “Naquela rua tem um ‘ao ar livre’ da empresa X”.

OVNI Hoje também é cultura. 🙂

Isto posto, vamos ao que interessa:

A empresa pretende colocar mensagens publicitárias em órbita. Crédito de imagem: StartRocket

Uma firma na Rússia está trabalhando para criar o primeiro space billboard (placa de propaganda espacial) do mundo, usando uma constelação de pequenos satélites.

Nestes dias você não pode ir a lugar algum sem ver pelo menos alguma forma de publicidade e agora a StartRocket está procurando levar as coisas um passo adiante usando um sistema de satélites para criar anúncios brilhantes no espaço que podem ser vistos do solo à noite.

Não há como negar que o céu é uma verdadeira tela em branco de potencial publicitário – imagine olhar pela janela e ver a palavra ‘McDonald’s’ flutuando centenas de quilômetros acima de você.

Como estão as coisas, a StartRocket está com o objetivo de ter seus equipamentos prontos a partir em 2020, e estará oferecendo contratos para clientes corporativos pouco tempo depois.

Vlad Sitnikov, líder do projeto, disse:

Somos governados por marcas e eventos. A economia é o sistema sanguíneo da sociedade – o entretenimento e a publicidade estão em seu coração.

Nós viveremos no espaço, e a humanidade começará a entregar sua cultura ao espaço.

Nem todos estão tão entusiasmados com a ideia, mas os críticos argumentam que os satélites não apenas aumentarão a quantidade crescente de lixo espacial em órbita, mas também interferirão nas observações astronômicas, poluindo o céu noturno com fontes de luz desnecessárias.

Alex Skorupsky, membro da equipe, disse:

Se você perguntar sobre publicidade e entretenimento em geral – os odiadores vão mesmo odiar. Estamos desenvolvendo um novo meio.

No advento da televisão, ninguém adorava anúncios.

(Fonte)


Não desejo o mal a ninguém, mas, sinceramente, neste caso espero que a comunidade internacional intervenha nessa ideia estúpida e intrusiva e, se isso não acontecer, que todos os satélites dessa empresa explodam ao serem lançados. E ainda, se nada disso ocorrer, que os ETs destruam todos os satélites da StartRocket, antes mesmo da empresa ‘acender’ seu primeiro anúncio.

n3m3

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh