web analytics

Atrito entre Rússia e Ucrânia poderá nos levar à Terceira Guerra Mundial

O OVNI Hoje está de olho nos conflitos mundiais que podem causar grande impacto negativo no nosso planeta, pois uma Terceira Guerra Mundial, sem a intervenção de forças externas para cessá-la, pode ser o fim da civilização humana tal como a temos hoje.

Atrito entre Rússia e Ucrânia poderá nos levar à Terceira Guerra Mundial

Um respeitável jornalista estrangeiro vivendo na Ucrânia está alertando que uma guerra que a maioria das pessoas nem consegue imaginar “está oscilando no fio da navalha de se tornar real”.

Quando a Rússia abriu fogo contra navios da Marinha Ucraniana e capturado três de seus navios, fez manchetes em todo o globo. Uma reunião de emergência do Conselho de segurança da ONU foi organizada às pressas para segunda-feira às 11h00, e esperemos que tenha um resultado positivo, porque Moscou e Kiev estão agora à beira da guerra, e uma vez que aconteça uma invasão russa não haverá volta. Nesse ponto, os EUA teria de tomar uma decisão importante, e se optar por defender a Ucrânia, poderia significar que de repente nos encontraríamos na Terceira Guerra Mundial.

A maioria das pessoas não percebe que esta crise tem sido fermentando por mais de uma semana…

Quando você percebe o que já ocorreu, coloca os eventos mais recentes em um contexto inteiramente diferente.

Os russos bloquearam o estreito de Kerch em retaliação por ter tido seus próprios navios comerciais detidos pelo governo ucraniano.

E quando os ucranianos decidiram testar os russos navegando navios da Marinha ucraniana para o estreito de Kerch, os russos decidiram não voltar atrás.

Abaixo, trechos de um artigo da Sky News:

Rússia abriu fogo contra navios ucranianos e capturou três navios em uma grande escalada das tensões, fora da costa da Crimeia.

Três marinheiros foram feridos depois que a Marinha ucraniana disse que dois barcos de artilharia foram atingidos por ataques no mar Negro.

O Petro Poroshenko da Ucrânia chamou uma sessão de emergência do seu gabinete de guerra e disse que ele vai propor que o Parlamento declare lei marcial.

Então a verdade é que nenhum dos lados é exatamente ‘inocente’ nesta situação.

O estreito de Kerch é absolutamente fundamental, porque é a única maneira para entrar e sair do mar de Azov…

O estreito liga o mar de Azov ao mar Negro e está localizado entre a península da Crimeia e a Rússia. É um trecho de águas raso e estreito, de apenas 3,2 a 4,8 quilômetros de largura em um ponto perto de Chuska.

O estreito é uma linha de vida econômica importante para a Ucrânia, pois permite navios saindo do porto cidade de Mariupol, para acessar o Mar Negro.

Também é o mais próximo ponto para a Rússia acessar a Crimeia, uma península que Moscou anexou em 2014. A comunidade internacional em grande parte não reconheceu a anexação da Crimeia pela Rússia, mas isso não impediu que a Rússia construísse uma ponte sobre o estreito de Kerch, conectando a Crimeia à Rússia continental. A ponte do Estreito de Kerch foi aberto em maio.

Além de pedir uma declaração de lei marcial, o presidente ucraniano, Petro Poroshenko, tem também se reunido com seus principais líderes militares. Poroshenko está prometendo que a Ucrânia não tomará qualquer ação militar ‘ofensiva’, mas também diz que eles estão prontos para se defender contra qualquer ataque da Rússia.

Os russos estão acusando Poroshenko de manipular esta crise a fim de elevar sua taxa de aprovação para as próximas eleições presidenciais. Há uma possibilidade muito real que Poroshenko poderia perder, e ele está desesperado para ficar no comando.

Claro, os ucranianos estão culpando a Rússia por tudo, e Poroshenko diz que o que aconteceu no domingo “foi um ato de guerra”…

Finalmente, a Ucrânia convocou uma reunião urgente do Conselho de Segurança das Nações Unidas sobre a “Agressão russa”, enquanto Secretário da Ucrânia para Segurança Nacional, Oleksander Turchynov, acusou a Rússia de se engajar em um ato de guerra: “Ouvimos relatórios sobre o incidente e concluímos que era um ato de guerra pela Rússia contra a Ucrânia”.

Neste momento, não está claro o que os russos vão fazer a seguir.

Esperemos que eles vejam que uma invasão total da Ucrânia não seria sábia.

Mas se eles decidirem que uma guerra é inevitável, eles vão se mover com velocidade relâmpago como já vimos em outros conflitos. Por exemplo, a Rússia já havia anexado a Crimeia antes que o resto do mundo nem tivesse começado a falar sobre isso. E todos nós nos lembramos o que aconteceu na Georgia.

Se e quando a Rússia finalmente apertar o gatilho, suas forças estarão a meio caminho de Kiev, antes que a grande mídia no mundo ocidental perceba o que está acontecendo.

E se a Rússia invadir, a administração Trump estará sob enorme pressão dos republicanos, democratas e outros membros da OTAN para intervir. Já houve uma conversa muito dura do secretário de Estado Mike Pompeo:

Ainda não está claro até que ponto os EUA estão dispostos a apoiar a Ucrânia. Em um comunicado conjunto após a reunião de Klimkin com o secretário de Estado Mike Pompeo na semana passada, os dois lados “condenaram as ações agressivas da Rússia contra navios internacionais que transitam no Mar Negro, o Mar de Azov e o Estreito de Kerch, para portos ucranianos” e concordaram que”as atividades agressivas da Rússia” no Mar de Azov trouxeram novas ameaças de segurança, econômicas, sociais e ambientais a toda a região de Azov-Mar Negro.

Mas se os EUA intervir diretamente em um conflito militar entre a Rússia e a Ucrânia, isso pode facilmente desencadear a Terceira Guerra Mundial.

A maioria dos americanos não está preocupada que um conflito entre a Rússia e a Ucrânia possa afetar potencialmente os Estados Unidos, mas a ameaça é muito real. De fato, de acordo com o correspondente estrangeiro Nolan Peterson, uma guerra como essa “oscila no fio da navalha de se tornar real”:

Esse é o momento mais perigoso que eu vi na Ucrânia em anos. Hoje à noite, uma guerra que muitas pessoas na América só podem imaginar graças aos filmes de Hollywood, está oscilando no fio da navalha de se tornar real. Hoje à noite na Ucrânia vamos dormir sem saber o que o amanhã trará.

Vamos torcer pela paz, porque agora o mundo está se tornando um lugar mais caótico a cada dia que passa …

(Fonte)


Será que chegaremos na suposta Data Limite de 20 de julho de 2019 se desencadearmos um conflito de aniquilação humana em massa?

Vamos lá, insanos macacos beligerantes, só mais um pouco! Deem à raça humana uma chance!

A Data Limite para a manifestação dos ETs e a iminência de guerra na Terra

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh