web analytics

Astrofísico diz que outros mundos têm tanto medo de nós, quanto nós dos alienígenas

Astrofísico diz que outros mundos têm tanto medo de nós, quanto nós dos alienígenas

No filme de ficção científica de 1996, Dia da Independência, o presidente dos EUA (interpretado por Bill Pullman) faz um discurso inspirador sobre a resiliência da raça humana durante uma invasão alienígena. Como o líder diz aos defensores da Terra que “não vamos desaparecer sem lutar”, o sentimento de unidade é claro – a humanidade se recusa a morrer e usará todos os recursos para sobreviver. Mas seria o capital emocional dos filmes de invasão alienígena a nossa vontade de suportar ou a nossa afinidade com a conquista?

Neil deGrasse Tyson, célebre astrofísico e cientista, acha que provavelmente é o último. Durante um discurso em 23 de outubro passado, na Onward18, uma conferência organizada pela empresa de serviços de internet Yext, Tyson sugeriu que o fascínio da sociedade com invasões alienígenas – uma das narrativas mais populares na ficção científica – tem mais a ver com o comportamento passado da humanidade do que qualquer medo real de atacantes intergalácticos.

Tyson ressalta:

Todo esse temor de alienígenas em filmes, isso não é de qualquer conhecimento real de alienígenas. É a partir do conhecimento real dos seres humanos.

Sci-fi tem uma história de comentários sociais. Em 1956, Invasion of the Body Snatchers,  um filme sobre alienígenas que se transformam em clones humanos sem emoção, refletia uma paranoia generalizada nos EUA sobre propaganda comunista subversiva…  E como Tyson nos lembra, o colonialismo é uma parte essencial da história humana. “Não há maior espelho para a nossa conduta do que todos esses filmes de alienígenas chegando à Terra”, disse ele.

E a conduta do Homo sapiens foi sangrenta.

Colonialismo é o processo de assumir e explorar outro lugar, pessoas ou cultura, muitas vezes apagando o que havia antes. Ao longo da história, deixou o sofrimento em seu rastro, e os efeitos posteriores e os debates subsequentes ainda estão em curso hoje. “Se os alienígenas vierem até nós, eles têm uma tecnologia melhor”, disse Tyson, e alguém se pergunta se os humanos seriam os que atacariam outras espécies e planetas se tivéssemos os meios tecnológicos.

O comentário de Tyson sobre alienígenas e invasões alienígenas veio no final de sua palestra, depois que ele apresentou as “10 coisas que você deve saber sobre o Universo” (detalhes da apresentação, que Tyson também fez em 2012, podem ser encontrados aqui). A coisa mais altamente classificada que Tyson compartilhou foi que os seres humanos são feitos de poeira estelar – estrelas explodem, espalhadas pela galáxia, e a partir desses destroços vem o “enriquecimento” e os materiais necessários para formar novos planetas e nova vida. Parece abstrato, mas é verdade, e todos os invasores alienígenas também são feitos de poeira estelar – nos tornando, de uma outra forma, o mesmo.

(Fonte)


Devo concordar com Neil deGrasse Tyson, quando ele diz que espelhamos nossa conduta nos filmes que fazemos sobre ETs. Somos uma raça beligerante e não confiável.

Certamente, os ETs têm pavor de nós, e agem com muita cautela.

n3m3

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh