web analytics

O telescópio espacial Kepler esta oficialmente morto – o jipe-sonda em Marte também

O telescópio espacial Kepler esta oficialmente morto

Renderização artística do Telescópio Espacial Kepler, um grande desenvolvimento na caça por vida extraterrestre. NASA/JPL

O telescópio espacial inovador que descobriu mais de 2.600 exoplanetas finalmente ficou sem combustível. Nomeado em homenagem ao astrônomo Johannes Kepler, ele foi lançada em março de 2009, com o objetivo de descobrir mundos potencialmente habitáveis ​​do tamanho da Terra em torno de estrelas distantes.

Ao longo dos seus nove anos de funcionamento, superou as expectativas de todos – descobrindo milhares de planetas e revolucionando a nossa compreensão dos mundos extra-solares.

No total, o telescópio espacial observou 530.506 estrelas e detectou 2.662 planetas.

A espaçonave esteve operacional até há relativamente pouco tempo, mas começou a deteriorar-se rapidamente no início deste mês, à medida que os efeitos da falta de combustível se tornaram ainda mais evidentes.

Kepler foi oficialmente aposentado ontem, apenas alguns meses antes de seu décimo aniversário.

Thomas Zurbuchen, administrador associado do Diretório de Missões Científicas da NASA, disse:

Como a primeira missão da NASA de caça a planetas, o Kepler excedeu todas as nossas expectativas e abriu o caminho para nossa exploração e busca de vida no sistema solar e além.

Ele não só nos mostrou quantos planetas estavam por aí, como também desencadeou um campo de pesquisa totalmente novo e robusto que inundou a comunidade científica.

Suas descobertas lançaram uma nova luz sobre o nosso lugar no universo, e iluminou os mistérios e possibilidades tentadoras entre as estrelas.

(Fonte)


E como se não bastasse a perda do Telescópio Espacial Kepler, o jipe-sonda Opportunity, que tem estado em Marte desde 2004, também parece ter “morrido de vez”.

Segundo informações publicadas no site unexplained-mysteries.com, “depois de ser colocado no modo de baixa potência para ajudar a resistir a uma tempestade de poeira em junho, toda a comunicação foi perdida, deixando a NASA lutando para recuperar o contato.

Mesmo assim, a NASA ainda continuará tentando se comunicar com o jipe-sonda até janeiro de 2019.

A NASA escreveu:

Após uma análise do progresso da campanha de escuta, a NASA continuará com sua estratégia atual de tentar entrar em contato com o jipe-sonda Opportunity durante a previsível futuro.

Os ventos poderão aumentar nos próximos meses na localização do Opportunity em Marte, resultando em poeira sendo arrancada dos painéis solares do veículo.

A agência irá reavaliar a situação no período de janeiro de 2019.

A NASA tem perdido muitos de seus componentes espaciais nas últimas semanas, lembrando que em meados de outubro mais dois telescópios espaciais quebraram. 

Muito azar, ou muita coincidência:

Mistério no espaço: dois telescópios espacias quebram ao mesmo tempo

n3m3

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh