web analytics

Terra Oca: Os reptilianos habitam a interior do nosso planeta?

A teoria da Terra Oca é fascinante: a ideia de vastas cavernas subterrâneas com ecossistemas completos e que, de acordo com alguns, são versões invertidas do cosmos existentes no centro do nosso planeta…

Então, se a terra é oca, quem ou o que poderia estar vivendo lá embaixo? Ela está cheio de nazistas cavalgando em dinossauros, ou é o lar de pequenos homens verdes, anões gnomos ou alguma outra criatura mística?

Em um artigo interessante encontrado no site theblackvault.com, as idéias sobre o que vive nos recessos mais profundos do nosso planeta foram expostas.

Terra Oca

O artigo começa dizendo que o diretor de pesquisa de abduções da MUFON, John Carpenter, encontrou evidências confiáveis ​​de mais de 200 testemunhas contando como foram abduzidas por nossos velhos amigos, os reptilianos.

Esses extraterrestres de sangue frio mostraram-se ser muitos, mas um fato estranho é que na maioria dessas interações está faltando um elemento importante para um encontro imediato com um alienígena: A espaçonave!

Isso levou Carpenter e outros à conclusão de que esses reptoides, os quais acredita-se serem estranhos ao planeta, tem, de fato, e podem sempre ter vivido aqui em nosso planeta.

Existe a ideia de que essas criaturas evoluíram neste planeta há cerca de 60 milhões de anos. Talvez sejam as espécies inteligentes que surgiram dos dinossauros?

Essa longa história no planeta é refletida em muitas crenças culturais com culturas, que vão desde os sumérios até os gregos, que apontam para o “deus serpente” ou monstro serpentino em muitos de seus mitos e lendas. Poderiam os reptilianos ser a semente do surgimento dessas histórias surgiram?

A figura da serpente é importante até mesmo no mundo de hoje, aparecendo no símbolo de instituições de cuidados médicos. Essa imagem de serpente espiral não só foi encontrada em petroglifos e outras ilustrações que remontam ao Egito antigo, mas também encontradas em lugares que vão da Grã-Bretanha ao Novo México.

Algumas das maiores imagens de cobras ou serpentes são encontradas entre as linhas de Nazca, juntamente com as outras grandes figuras famosas esculpidas no chão daquela região.

E não podemos esquecer os nagas das religiões hindu e budista… Essas cobras também são encontradas na história das culturas isoladas: os povos aborígenes australianos falam que a serpente está travando uma guerra ao redor da área rocha de Ayers…

Se eles tivessem uma tecnologia de armas capaz de causar tais danos em uma época em que os humanos estavam longe da Idade da Pedra, certamente teriam um nível de sofisticação tecnológica que seria invejável hoje.

Uma ideia diz que os reptoides tinham naves espaciais e deixaram o planeta em um certo ponto, até que se depararam com outros grupos extraterrestres e foram empurrados de volta ao planeta. Ao retornarem, descobriram que um grupo de ETs nórdicos haviam assumido o planeta.

Os reptilianos estavam descontentes com essa aquisição, especialmente depois de falhar em seus planos de viagem interestelar, e agora perderem o que consideravam seu planeta. Ocorreu uma guerra e esta guerra é o que está escrito nos livros antigos, mais notavelmente o Maabárata.

Qualquer um com um interesse na ideia de alienígenas do passado ou antigas civilizações avançadas conhece as histórias das vimanas voadoras, as lendas épicas de grandes batalhas com contos de armas fantásticas e destruição em grande escala.

Os mitos do dilúvio que também são encontrados na maioria das culturas ao redor do planeta, também são oriundos dessa época.

Outro tema recorrente é que depois das batalhas, os deuses da serpente sempre perdem e são banidos para um mundo subterrâneo pelo resto dos tempos. As religiões transformam essas figuras ao longo dos séculos que se seguiram, renomeando-as como demônios e coisas do tipo.

Citação da Bíblia Capítulo 12, vs. 7-9:

E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos;

Mas não prevaleceram, nem mais o seu lugar se achou nos céus.

E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele.

Apocalipse 12:7-9

Este mundo subterrâneo é uma ideia comum que não é limitada por localização ou cultura, com muitos ensinamentos religiosos dizendo que este banimento vem com a estipulação de que, se esses seres desejam continuar a viver no planeta, eles não devem interferir com o desenvolvimento da humanidade.

Essas histórias da guerra entre essas espécies antigas são lidas como as páginas de qualquer bom épico de ficção científica. A humanidade presa entre facções e grupos de adoração de ambos os lados como divindades.

Não é de admirar, como espécie, porque somos tão agressivos quando parece que a própria civilização foi formada a partir do conflito desses seres.

Como não poderia ser?

Nascemos na violência e, desde então, as diferenças religiosas têm sido uma causa importante para a maioria dos atos mais bárbaros da história. Evidências da adoração e formação de religiões em torno desses primeiros habitantes da Terra podem ser encontradas em muitos lugares até hoje. Artefatos foram encontrados e o conhecimento transmitido por culturas na América do Sul, Índia e Egito.

A semelhança de estruturas do tipo pirâmide em todos esses locais antigos: o conhecimento da engenharia necessária para construir tais maravilhas dadas pelos reptilianos.

As tecnologias avançadas que mencionamos foram usadas para cortar e manipular pedras maciças e manipulá-las de maneiras que lutamos para entender até hoje. Estatuetas de ídolos em forma de reptoides podem ser encontradas em todas as culturas, com histórias quase idênticas.

Outra prática mais sombria em todas essas culturas é o ‘sangue’ dos sacrifícios humanos, realizados pelos astecas e maias para cerimônias de sangria nas culturas em todo o mundo. Parece que esses reptoides têm um gosto pelo líquido vermelho.

O artigo continua falando sobre as antigas práticas dessas culturas e especula que esses deuses / reptilianos estavam se alimentando da humanidade. Mencionando deuses como Huitzilopochtli, o deus asteca da guerra. Um ser meio humano meio cobra com presas enormes, jantava os corpos daqueles mortos em batalha. Este deus tem a mesma forma como os Nagas das religiões orientais…

Deus, demônio, alienígena ou criptídeo, seja lá qual for o nome que você achar adequado, diz respeito à habilidade que eles têm de esconder sua aparência. Isso funciona como uma projeção mental, a imagem de um homem ou uma mulher sendo irradiada para a mente daqueles que os vêem. Esses poderes de controle da mente parecem ser muito perigosos, mas a criatura continua dizendo que eles foram proibidos de causar danos aos humanos, mas este nem sempre foi o caso…

Os outros deuses / alienígenas nos libertaram dessa escravidão quando baniram essa raça reptiliana para o submundo?

O que você acha, isso é tudo um monte de mitos e lendas, onde fantasia e a realidade se entrelaçam, ou poderia haver alguma verdade nisso?

David Ike certamente diria que é verdade e que essas criaturas são más e ainda buscam recuperar o planeta como se fossem seu…

(Fonte)


Se eu tivesse que opinar, diria que todos esses contos relatados pelas civilizações antigas são verdadeiros, porém contaminados pela fantasia humana. Onde para a verdade e começa a fantasia é uma questão a ser estudada.

n3m3

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh