web analytics

Alerta eletrônico do Presidente dos EUA será testado hoje – compulsório para todos usuários de celulares

Esta notícia é um tanto interessante, especialmente após a embaixadora dos EUA na OTAN ter ameaçado atacar a Rússia, caso esta não cessasse o desenvolvimento de mísseis nucleares de alcance intermediário:

Alerta eletrônico do Presidente dos EUA será testado hoje

Com o apertar de um botão – e sob a direção do presidente Donald Trump – um alerta será enviado aos celulares de quase todos os americanos às 14h18, (horário da costa leste dos EUA), na quarta-feira: ‘THIS IS A TEST’ (ESTE É UM TESTE).

A mensagem está agendada para ser o primeiro teste do sistema ‘Alerta Presidencial’, uma nova forma de notificar os americanos em todo o país sobre emergências nacionais.

A Agência Federal de Gerenciamento de Emergências (de sigla em inglês, FEMA) supervisiona o Wireless Emergency Alert (WEA) system (sistema de Alerta de Emergência Sem Fio), que enviou 40.000 mensagens para telefones celulares desde o seu lançamento em 2012, advertindo as pessoas sobre tudo, desde o mau tempo local até os Alertas AMBAR.

O ‘Alerta Presidencial’ é um novo tipo de notificação WEA destinado apenas a emergências nacionais. Ao contrário de outros alertas, as pessoas com celulares não podem recusar as mensagens, teoricamente dando ao presidente uma linha direta para os dispositivos móveis de cerca de 95% dos americanos.

A única maneira de os usuários de celulares dos EUA não obterem o ‘Alerta Presidencial’ é desligarem o telefone, não estarem ao alcance de uma torre de celular ativa, ou estarem com um provedor sem fio que não esteja participando da WEA.

A FEMA e a Comissão Federal de Comunicações (de sigla em inglês, FCC) atualmente têm acordos com mais de 100 provedores de telefonia celular que participam voluntariamente do sistema WEA, para garantir que seus usuários recebam o alerta.

A FEMA anunciou inicialmente que o sistema seria testado em 20 de setembro, mas depois o empurrou para 3 de outubro, citando os ‘esforços contínuos de resposta ao furacão Florence’…

Em 2015, o Congresso promulgou a Lei de Modernização do Sistema Integrado de Alerta Público, para limitar o escopo do que pode ser considerado um alerta de emergência válido.

“Exceto na medida necessária para testar o sistema público de alerta, o sistema não deve ser usado para transmitir uma mensagem que não esteja relacionada a um desastre natural, ato de terrorismo ou outro desastre provocado pelo homem, ou ameaça à segurança pública”, afirma o ato.

Don Hall, diretor de soluções do governo para OnSolve, um serviço de notificação de emergência que trabalha localmente com a FEMA, disse que o sistema é poderoso por causa de seu alcance e imediatismo.  “O alerta de emergência sem fio é praticamente enviado instantaneamente”, disse Hall.

De acordo com Hall, não há muito espaço para uma mensagem pessoal do presidente dentro das atuais limitações de alerta de 90 caracteres.

“Se o ‘Alerta Presidencial’ for usado corretamente, será muito eficaz para ajudar a salvar vidas”, disse Hall.

(Fonte)


Seria muito ‘conspiranóico’ pensar que todas essas ocorrências recentes estão sendo orquestradas?

Espero que o único alerta real enviado por esse sistema seja para dizer à população que os ETs pousaram em massa na Terra, mas que não há nada a temer, pois se trata de uma força tarefa científica para “endireitar” a humanidade. (Sonhar é de graça.)

n3m3

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh