web analytics

Segunda estação espacial chinesa se comporta de forma estranha. Mais lixo vindo de cima?

estação espacial chinesa se comporta de forma estranha

Tiangong-2 foi lançada em 2016. Imagem: CMSE

A estação espacial chinesa Tiangong-2 recentemente passou dez dias a 95 km mais próxima da Terra do que a sua órbita habitual. A manobra desconcertante provocou rumores sugerindo que a estação, que serve como uma instalação de teste para novas tecnologias espaciais, poderá em breve ser desativada.

A antecessora da estação, Tiangong-1, despencou de volta à Terra em uma descida descontrolada que a viu colidir com o Oceano Pacífico em abril deste ano.

Detalhes da mudança na órbita foram publicados pelo US Strategic Command’s Joint Force Space Component Command, antes de serem comentados pelo astrônomo Jonathan McDowell.

McDowell escreveu no Twitter:

Meu melhor ajuste aos dados é que o TG-2 foi reinicializado em 0117 e 0202 UTC em 22 de junho, para um delta-V total de 56 m/s, um uso de propelente de cerca de 144 kg. Possivelmente apenas testando a confiabilidade do motor do laboratório espacial, após dois anos em órbita, como parte dos testes de final de vida?

Apesar dos pedidos de informação, o Escritório de Engenharia Espacial da China (CMSEO) até agora não ofereceu qualquer tipo de explicação para o comportamento incomum da estação.

(Fonte)

Colaboração: Osnir Stremel Jr.


Preparem seu guarda-chuvas. Daqui a pouco mais lixo espacial retornará ao solo.

n3m3

"

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh