web analytics

Lua de Sangue, julho de 2018: Sinal do fim do mundo?

"Lua de Sangue", julho de 2018: Sinal do fim do mundo?

A segunda Lua de Sangue (eclipse lunar de 2018) irá deslumbrar astrônomos no próximo mês em 27 de julho. A Lua cheia de julho ficará vermelha durante o eclipse devido à luz solar espalhada pela atmosfera, mas os religiosos teóricos da conspiração acreditam que o evento é muito mais significativo.

Durante a “Super Lua de Sangue Azul” de 31 de janeiro, seis meses atrás, alguns religiosos e teóricos da conspiração foram instados a se prepararem para o fim do mundo.

Na época, o livro bíblico de Joel foi apresentado como prova de que a Lua se transformando em ‘sangue’ é um sinal apocalíptico.

O Pastor Paul Begley, um popular conspiracionista, declarou que os dias finais estavam sobre nós. Ele disse:

O demônio está de volta. É o nascimento do fim dos tempos. Estamos vivendo nos últimos dias. Tudo diz respeito à Super Lua de Sangue Azul, ela é um sinal profético do fim dos tempos.

A ideia de que a Lua de Sangue de alguma forma sinaliza o fim do mundo está ligada às interpretações livres da escritura bíblica.

De acordo com os cientistas espaciais Bruce McClure e Deborah Byrd, da EarthSky.org, a profecia da Lua de Sangue pode ser rastreada até os pastores cristãos, Mark Blitz e John Hagee, em 2013.

Os astrônomos escreveram:

Pelo que pudemos reunir, dois pastores cristãos, Mark Blitz e John Hagee, usaram o termo Lua de Sangue para aplicar às luas cheias da tétrade de 2014-2015.

John Hagee parece ter popularizado o termo em seu livro de 2013, Four Blood Moons: Something is About to Change. (Quatro Luas de Sangue: Algo Está Prestes a Mudar).

Mark Blitz e John Hagee falaram da tétrade lunar de 2014-2015 como representando o cumprimento da profecia bíblica. Afinal, a Lua deve ficar vermelha antes do fim dos tempos, não é mesmo?

Como descrito em Joel 2:31: “O Sol se converterá em trevas e a Lua em sangue, antes do grande e terrível dia do SENHOR.”

Outros conspiracionistas, no entanto, argumentam que a Lua de Sangue foi predita pelo Livro de Revelações que fala sobre grandes terremotos, o Sol escurecendo e a Lua “se tornando como sangue”.

Mas não há razão para se preocupar com qualquer uma dessas alegações do fim do mundo, porque a Lua cheia não vai realmente ficar vermelha em 27 de julho. A Lua apenas parecerá mudar de tonalidade na Terra durante o eclipse, mas no espaço a Lua permanecerá cinza.

A mudança na cor acontece devido a um efeito conhecido como espalhamento Rayleigh. Quando a Lua mergulha na sombra da Terra durante o eclipse, alguma luz do Sol ainda alcança a Lua. Porém, a luz do Sol se curvará e se espalhará pela atmosfera da Terra, filtrando as faixas verdes e violetas do espectro visível.

O efeito, que transforma o pôr-do-sol em laranja e o céu em azul, fará a Lua parecer vermelha.

(Fonte)


Em resumo, ainda não corram para as cavernas. Quando algo catastrófico for acontecer no nosso planeta, será de surpresa. Essas coisas nunca têm data marcada.

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh