web analytics

Planeta desgarrado entrará em nosso sistema solar mais cedo do que o esperado

Planeta desgarrado entrará em nosso sistema solar

Quando pensamos em estrelas, tendemos a concebê-las como sendo objetos imóveis e fixos, mas as estrelas viajam pelo espaço exatamente como os planetas e outros objetos o fazem. A Terra e todos os outros planetas do nosso sistema solar giram em torno do Sol, mas o Sol também gira em torno do centro da Via Láctea uma vez a cada 225-250 milhões de anos. Todas as estrelas orbitam algo. Bem, exceto por certas estrelas “desgarradas” que os astrônomos estão começando a descobrir. As estrelas desgarradas, também conhecidas como estrelas intergalácticas, são estrelas que escaparam das forças gravitacionais de suas galáxias domésticas e viajam independentemente através dos vazios intergalácticos. Sim, elas são bem aterrorizantes.

Muitas dessas estrelas são ejetadas quando as galáxias colidem umas com as outras.

Uma estrela em particular, a estrela anã Gliese 710, é especialmente aterrorizante. É sabido há algum tempo que a Gliese 710 eventualmente passará pelo nosso sistema solar enquanto trafega pelo universo, potencialmente causando muitos danos a qualquer coisa que tenha o azar de estar em seu caminho. Agora, novos cálculos usando o mapa mais preciso das estrelas já criado revelaram que a Gliese 710 pode chegar aqui muito antes do que imaginávamos. Quão preocupado devemos estar?

Tudo depende da sua linha do tempo.

Bem, a menos que você seja um imortal ou planeje se tornar imortal, não deve ficar muito preocupado. Com base nos mais recentes cálculos, verifica-se que a Gliese 710 não vai entrar no nosso sistema solar por mais 1,29 milhões de anos. Tempo suficiente para você terminar de assistir suas séries favoritas na TV. Este período de anos pode parecer muito tempo, mas a estimativa anterior era de 1,36 milhão de anos – uma diferença de 60 mil anos. Pense em quantas pessoas poderiam escapar em 60.000 anos. Claro, isto é, se alguma pessoa for deixada no sistema solar. Espero que a humanidade tenha encontrado uma saída para essa infernal simulação até então.

Se não, a Gliese 710 poderá causar uma chuva torrencial de meteoros gelados para bombardear a Terra no esquecimento. A estrela desgarrada está pronta para passar pela Nuvem de Oort, um anel de cometas, meteoros e planetesimais gelados na extremidade mais distante do nosso sistema solar. Isso poderia causar a ejeção de milhões de asteroides em direção ao centro do sistema solar, lançando planetas infelizes em queijo suíço como uma chuva de granizo cósmica.

Talvez a imortalidade não seja tão boa assim.

(Fonte)


O comportamento dessa estrela nos mostra que a possível existência de um planeta que possa passar próximo da Terra causando catástrofes, como falam de Nibiru ou Planeta X, não é tão absurda assim.

Felizmente, nada disso ocorreu ainda, embora muitos acreditem que Nibiru esteja prestes a nos visitar.

Como sempre digo, quem viver, verá!

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh