web analytics

NASA quer usar bombas nucleares para destruir o asteroide Bennu

bombas nucleares para destruir o asteroide Bennu

A impressão de um artista de uma enorme rocha espacial que se aproxima da Terra (Imagem: Science Photo Library / Getty)

A NASA, a Administração Nacional de Segurança Nuclear e dois laboratórios de armas do Departamento de Energia (EUA) decidiram projetar e desenvolver uma nave espacial que possa fornecer armas nucleares se esse asteroide chegar muito perto.

O asteroide Bennu pode atingir a Terra em 21 de setembro de 2135, mas antes disso, a NASA tem um plano para destruí-lo, usando bombas nucleares antes dele chegar até nós. A rocha espacial tem cerca de 1 em 2.700 chances de atingir a Terra.

As chances do asteroide Bennu impactar com a Terra é muito pequena, mas o governo dos EUA quer ter certeza de que a ameaça é neutralizada, observa um relatório do Futurism. Bennu está atualmente a cerca de 86 milhões de quilômetros da Terra, e orbita o Sol.

O asteroide é um objeto próximo da Terra (Near Earth Object – NEO) listado como um ‘potencial impactador da Terra’, e é bastante maciço. Medindo cerca de 500 metros, a rocha não é grande o suficiente para representar uma ameaça existencial para a Terra, observa um relatório da Space.com.

No entanto, a NASA, a Administração Nacional de Segurança Nuclear e dois laboratórios de armas do Departamento de Energia decidiram projetar e desenvolver uma nave espacial capaz de fornecer armas nucleares se ele chegar muito perto.

A este projeto foi dado o nome de Missão de Mitigação de Asteróides de Hipervelocidade para Resposta de Emergência (sigla em inglês, HAMMER). Existem dois métodos listados pelo relatório do Futurism sobre como HAMMER poderia funcionar. Se o asteroide for pequeno, a nave espacial pode ser usada como uma ferramenta de golpes repetitivos e um pêndulo de 8,8 toneladas simplesmente esmagará a rocha. Se o asteroide for grande, então a ideia é elimina-lo com armas nucleares.

A idéia não é inteiramente nova, diz o relatório. A ideia original para o HAMMER teria surgido de um relatório de 2010, publicado na revista Acta Astronautica, onde os cientistas escreveram que “as duas respostas realistas consideradas são o uso de uma nave espacial funcionando como um pêndulo cinético, ou um transportador com explosivos nucleares para desviar o NEO que se aproxima”.

A NASA informa que o OSIRIS-REx chegará até o Bennu este ano, coletará amostras e voltará para a Terra até 2023. Dos muitos motivos por que essa missão foi executada em primeiro lugar foi para estudar a formação do planeta e a origem da vida. A NASA também quer melhorar a ‘compreensão sobre os asteroides que poderiam impactar a Terra’.

(Fonte)


Faz tempo que cientistas estão lidando com a possibilidade de que um grande asteroide tenha a capacidade de aniquilar a vida na Terra. 

Posso estar equivocado mas, mesmo se não conseguíssemos desviar uma rocha espacial que esteja vindo em direção ao nosso planeta, penso que poderíamos contar com outro tipo de ajuda vinda de cima. Afinal, se os ETs forem bons, eles nos protegeriam com suas tecnologias avançadas, embora não mereçamos isso. E se eles forem maus, eles também nos protegeriam.

Como assim? 

Bem, há uma tese de que os “ETs do mal” têm agido sobre os governos da Terra por séculos, e de que nós somos meros escravos deles, gerando muitas riquezas para esses alienígenas gananciosos, sem percebermos.

Seja como for, seríamos protegidos contra aniquilação total, seja através da bondade, ou através da maldade.

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh