web analytics

Ocorre grande avanço na procura por vida extraterrestre, dizem cientistas

grande avanço na procura por vida extraterrestre

Uma equipe de cientistas fez um enorme avanço na descoberta de biologia alienígena que poderá nos ajudar a encontrar extraterrestres no futuro próximo.

Cientistas dos EUA disseram ter feito a descoberta enquanto procuravam sinais de vida em planetas com atmosferas ricas em metano e oxigênio.

O Professor David Catling, da Universidade de Washington, disse:

Nosso estudo mostra que essa combinação seria um sinal de vida convincente.

O que é emocionante é que nossa sugestão é realizável e pode levar à descoberta histórica de uma biosfera extraterrestre em um futuro não muito distante.

Os cientistas disseram que era difícil produzir oxigênio sem alguma forma de vida.

O co-autor Joshua Krissansen-Totton, um estudante de doutorado na universidade, disse:

Não queremos colocar todos os nossos ovos em uma cesta.

Mesmo que a vida seja comum no cosmos, não temos idéia se será a vida que produz oxigênio. A bioquímica da produção de oxigênio é muito complexa e pode ser bastante rara.

Então, ele e seus colegas tomaram uma visão mais ampla, estudando a história da Terra para identificar combinações de gases que, se observados em conjunto com instrumentos futuros, como o Telescópio Espacial James Webb da NASA, seriam uma forte evidência de vida. Eles acham que bons candidatos possam ser: metano (CH4) e dióxido de carbono (CO2), sem qualquer monóxido de carbono (CO) apreciável.

Como mostram suas fórmulas químicas, o metano e o dióxido de carbono são moléculas muito diferentes. Sua co-ocorrência é indicativa de um ‘desequilíbrio atmosférico’ – um termo que faz com que os astrobiólogos fiquem muito empolgados.

A descoberta deslumbrante dará esperança aos ovniólogos de que há uma vida inteligente além da Terra.

Esta semana surgiram imagens extraordinárias do que se afirma ser um “alienígena fotografado dentro de uma nave espacial“.

Nas imagens granuladas em preto e branco, você pode ver ‘dentro de uma cabine com assentos, painel de controle e outros objetos’.

(Fontes das informações: 1, 2)


Embora os cientistas convencionais ainda estejam amarrados nos paradigmas associados ao modo com que a vida prospera em nosso planeta, alguns estão começando a abrir suas mentes para outras alternativas. Uma mente com a imaginação mais aguçada dirá que a vida pode prosperar em atmosferas totalmente diferentes da nossa, como há até quem sugira que a vida possa existir em Titã, uma das luas de Saturno, cuja atmosfera é composta de metano e etano.

Se seus chefes deixarem, “num futuro próximo” os cientistas convencionais estarão anunciando a grande revelação aos quatro ventos:

Possivelmente, talvez, há uma grande chance, mas não temos certeza, de que existe vida naquele planeta lá. Mas teremos que rever os dados, pois provavelmente foi uma falha de leitura nos instrumentos.

Enquanto isso, em nosso planeta temos o fenômeno dos OVNIs assombrando nossos céus, cuja origem ainda não foi identificada, mas que a ciência convencional despreza as evidências dizendo prontamente que não são suficientes ou convincentes, sem sequer examiná-las.

Vida alienígena pode existir em Titã, uma das luas de Saturno

n3m3

"

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh