web analytics

Uma mensagem para as formas de vida alienígena na Terra

Todos aqueles que seguem as notícias sobre OVNIs já sabem a respeito das recentes revelações sobre o Pentágono e os vídeos que foram liberados pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos, provando que o fenômeno é real e que aquele governo (e provavelmente todos os outros governos mundiais – menos o do Brasil é claro, pois aqui estão mais interessados em outras coisas) está preocupado.

Embora isto tenha repercutido muito pouco na imprensa brasileira, justamente o contrário ocorreu nos EUA. Aproveitando esta onda, o famoso jornal estadunidense, Chicago Tribune publicou um editorial até um pouco hilário, cuja tradução para o português pode ser lida abaixo:

Uma mensagem para as formas de vida alienígena na Terra

Caros alienígenas,

Vocês podem ter se divertido com uma notícia recente (vocês lêem o Chicago Tribune e seus competidores, certo?) sobre o último capítulo dos esforços de longo tempo, inúteis, semi-secretos, da América para desmascarar vocês, a fim de provar que suas naves espaciais têm pairado e confundindo pilotos de caça ​​com acrobacias impossíveis há décadas.

O último episódio, revelado no The New York Times: O Pentágono gastou milhões ao longo de vários anos em um programa de identificação de ameaças avançadas para investigar OVNIs.

O Pentágono diz que o programa foi encerrado em 2012. Ha ha! Quem acredita nisso? Vocês sabem que os humanos não vão deixar de perseguir vocês. Somos muito curiosos e persistentes.

Sério, sabemos que vocês estão aqui. De que outra forma podemos explicar todos os alegados avistamentos, inclusive o vídeo de um encontro de 2004 entre um caça Hornet F / A-18 e um OVNI? “Há uma esquadrilha inteira deles … todos estão indo contra o vento”, um piloto falou impressionado pelo rádio para um colega. “O vento está a 120 nós para o oeste. Olhe para essa coisa, cara”.

Dá-nos calafrios apenas de ouvir essa fala e observar esse vídeo de uma nave na tela do radar. Um piloto da Marinha que encontrou essa nave recentemente disse ao The Washington Post: “Era um objeto real; existe e eu o vi.” O que era? “Algo não da Terra.”

Amigos de fora do mundo, mostrem-se. Se vocês são tão tecnologicamente avançados quanto suspeitamos, qual é o prejuízo? E, sinceramente, vocês não estão cansados de ficar zoando ao redor do planeta, jogando esconde-esconde? Incentivo de bônus: Que tal se dermos um iPhone X gratuito para os membros da sua equipe?

Garantimos que os habitantes do planeta comemorariam sua chegada. (Não se preocupe com o filme “O Dia em que a Terra Parou” e outros do tipo.) Vocês serão celebridades instantâneas. Maiores do que Trump. Mesmo ele, com o ego do tamanho do globo, terá que admitir isso.

Se chegarem à Terra agora, vocês salvarão os seres humanos de décadas de teorias da conspiração sobre a Área 51, ansiosos para sabermos se estamos realmente sozinhos – e gastarmos muito mais dinheiro do governo para descobrir a verdade. Em outubro, um grupo chamado Messaging Extraterrestrial Intelligence, ou METI International, emitiu uma mensagem para uma estrela a uma dúzia de anos-luz de distância, com um planeta possivelmente habitável. A mensagem “para quebrar o gelo” do METI, enviada via rádio telescópio, incluiu as linguagens universais da música e da matemática.

Sim, sabemos que o famoso físico teórico Stephen Hawking advertiu contra o envio de tais mensagens, para que os invasores espaciais descubram que somos facilmente conquistados. Aqueles saqueadores espaciais podem ser tão poderosos que “podem não nos ver como mais valiosos do que vemos bactérias”, Hawking adverte.

Hawking também prediz que os seres humanos têm cerca de 1.000 anos para dominar a viagem espacial e povoar um novo planeta se for para a espécie sobreviver. Ele acredita que as mudanças climáticas, os impactos de asteroides, as epidemias e o crescimento populacional tornarão o futuro da Terra problemático, na melhor das hipóteses.

Essa é sua estratégia, alienígenas? Esperar pelos próximos 10 séculos, então reivindicar esta esférica azul esplêndida? Esperamos que não. Isso seria terrivelmente anti-clímax para aqueles de nós ansiosos pelo primeiro contato antes de, digamos, 3018.

Vamos, extraterrestres, vamos acabar com isto. Estamos aqui. Vocês estão aqui. Vamos nos encontrar.

Chicago Tribune

(Fonte)

Espero que eles tenham lido o editorial e decidam se revelar 🙂 .

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh