web analytics

Um enorme mundo subterrâneo existe abaixo das Pirâmides de Gizé, de acordo com textos da antiguidade

Um enorme mundo subterrâneo existe abaixo das Pirâmides de Gizé

Existe realmente um mundo subterrâneo abaixo das Pirâmides de Gizé?

Se olharmos os textos antigos escritos há milhares de anos, encontramos detalhes incríveis de um mundo há muito perdido escondido debaixo de nossos pés.

Como se as Pirâmides no platô de Gizé e a Esfinge não fossem suficientemente fascinantes por si mesmas, existem inúmeros relatos de túneis secretos, passagens e câmaras localizadas abaixo do platô de Gizé. Acredita-se que algumas dessas câmaras datam de mais de 15 mil anos.

É um mundo subterrâneo maciço, mantido longe da sociedade, escondido dos livros de história.

Na verdade, toda a região de Memphis (Gizé) é considerada coberta por câmaras subterrâneas e salas secretas.

Não muito longe de Gizé, no Oásis Fayum, Heródoto uma vez descreveu a existência de um incrível labirinto que, segundo seus escritos, era “uma maravilha infinita para mim”. Este antigo labirinto era, de acordo com Heródoto, de tamanho impressionante, e continha até 1500 salas, e câmaras subterrâneas que na época já estavam fora dos limites. Esta estrutura antiga deixou Heródoto impressionado, e ele foi obrigado a escrever sobre isso:

… Lá eu vi doze palácios regularmente dispostos, que comunicavam um com o outro, intercalados com terraços e dispostos em torno de doze salões. É difícil acreditar que eles são o trabalho do homem; as paredes são cobertas com figuras esculpidas, e cada área é requintadamente construído de mármore branco e cercado por uma colunata. Perto da esquina onde termina o labirinto, há uma pirâmide, de 73 metros de altura, com grandes figuras esculpidas de animais, e uma passagem subterrânea pela qual ela pode ser acessada. Foi-me dito de forma muito credível que as câmaras subterrâneas e as passagens ligavam esta pirâmide às pirâmides em Memphis…

Heródoto até mesmo escreveu sobre um enorme complexo megalítico multi-nível sob as pirâmides de Gizé, que dizia ter pelo menos 15 mil anos de idade. Curiosamente, alguns autores apoiaram a escrita de Heródoto sobre passagens subterrâneas que conectam grandes pirâmides.

Iamblichus Chalcidensis ou Iamblichus de Apamea, um filósofo neoplatonista sírio, e biógrafo de Pitágoras escreveu sobre uma entrada através do corpo da Esfinge para dentro da Grande Pirâmide:

…Esta entrada, obstruída em nossos dias por areias e lixo, ainda pode ser rastreada entre as pernas dianteiras do colosso agachado. Foi anteriormente fechada por uma porta de bronze cuja mola secreta só poderia ser operada pelos Magos. Foi guardada pelo respeito público, e uma espécie de medo religioso manteve sua inviolabilidade melhor do que a proteção armada o teria feito. Na barriga da Esfinge foram cortadas galerias que levaram à parte subterrânea da Grande Pirâmide. Essas galerias cruzavam-se de forma tão artística ao longo do curso para a Pirâmide que, ao entrar na passagem sem um guia por toda a rede, uma pessoa voltava inevitavelmente ao ponto de partida…

O planalto de Gizé é bem conhecido por um sistema subterrâneo maciço que é composto de túneis e câmaras artificiais, bem como rios e passagens subterrâneas que foram mapeados usando radar penetrante no solo desde 1978. Vários historiadores têm refletido sobre o tamanho dessas estruturas subterrâneas e sobre o que elas podem representar.

Alguns pesquisadores afirmam que há câmaras abaixo de Gizé maiores do que nossas maiores catedrais, e que a lendária “Cidade dos Deuses”, pode, na verdade, ser uma estrutura enorme localizada abaixo da superfície.

Mais uma evidência de passagens subterrâneas secretas pode ser encontrada em um manuscrito atualmente alojado no Museu Britânico, escrito por Altelemsani, que detalha uma extensa passagem subterrânea quadrada construída entre a Grande Pirâmide e o Rio Nilo, com uma “coisa estranha” bloqueando a entrada do Nilo .

“Nos dias de Ahmed Ben Touloun, um grupo entrou na Grande Pirâmide através do túnel e encontrou em uma câmara lateral uma taça de vidro de cor e textura raras. Enquanto eles estavam saindo, eles perderam um membro do grupo e, ao retornar para buscá-lo, ele saiu para eles nu, e rindo disse: “Não me siga, nem procurem por mim”, e depois correu de volta para a pirâmide. Seus amigos perceberam que ele estava encantado.

Ao saber sobre acontecimentos estranhos sob a Pirâmide, Ahmed Ben Touloun expressou o desejo de ver o cálice de vidro. Durante o exame, o cálice foi enchido com água e pesado, depois esvaziado e novamente pesado. O historiador escreveu que “foi encontrado com o mesmo peso quando vazio e quando cheio de água”.

Além disso, outros escritores, como Masoudi (Século X), escreveram:

…fascinantes estátuas mecânicas com capacidades surpreendentes” que ficaram como guardas, impedindo que alguém entrasse nas câmaras subterrâneas localizadas abaixo da Grande Pirâmide.

Esses “robôs” dos tempos antigos foram supostamente programados para destruir todos “exceto aqueles que por sua conduta eram dignos de admissão”.

…os relatos escritos de sabedoria e habilidades nas diferentes artes e ciências estavam escondidos profundamente, para que permanecessem como registros em benefício daqueles que poderiam depois compreendê-lo.

…Vi coisas que não se descreve por medo de que as pessoas duvidem de sua inteligência … mas ainda as vi… – Masoudi, Século X.

(Fonte)

Uma pena que o Ministério das Antiguidades do Egito não permite que explorações mais intrusivas sejam feitas naquela região, pois ainda deve haver muito a ser descoberto por lá.

Mais anomalias existem na Grande Pirâmide de Gizé, diz cientista do projeto ScanPyramids

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh