web analytics

Novo estudo mostra como as pessoas reagiriam à descoberta de alienígenas

como as pessoas reagiriam à descoberta de alienígenas

Um novo estudo, um de poucos desse tipo, descobriu que as pessoas geralmente respondem positivamente à noção de vida em outros planetas. O estudo investigou a possibilidade de encontrar extraterrestres microbianos, não E.T.s inteligentes, de modo que as respostas das pessoas podem ser um pouco diferentes se lhes dissessem que uma armada de alienígenas se dirigia para a Terra, alertou o autor do estudo, Michael Varnum, um psicólogo da Universidade Estadual do Arizona. No entanto, ele notou, muitas pessoas acreditam que alienígenas inteligentes existem e que visitaram a Terra; então mesmo um anúncio mais dramático pode não ser impactante.

“O que isso sugere é que não há motivo para ter medo” de compartilhar notícias de astrobiologia com o público, disse Varnum à Live Science. “Não vamos desmoronar. Não teremos caos nas ruas”.

 

Estamos sozinhos?

A forma como as pessoas respondem ao descobrirem que não estão sozinhas no universo é uma pergunta perene, mas que tem sido objeto de muito mais especulação do que estudos, disse Varnum. Ele pôde encontrar apenas um estudo que perguntou às pessoas como elas achavam que reagiriam ao anúncio da vida extraterrestre, e o estudo foi feita há uma década.

Varnum queria resolver a questão de forma um pouco mais realista. Então, ele voltou-se para as notícias do mundo real, analisando artigos que remontam a 1967, os quais analisavam as descobertas que poderiam potencialmente ter insinuado quanto a vida alienígena (incluindo – divulgação completa – artigos do site irmão da Live Science, o Space.com sobre uma estrela com ciclos de brilho irregulares que poderiam estar sinalizado a atividade extraterrestre, mas os ciclos irregulares mais prováveis ​​resultaram da poeira em órbita).

A maior parte da linguagem nesses artigos foi negativa, as análises de software revelaram, e os escritores tendem a enfatizar os benefícios potenciais da descoberta acima dos riscos potenciais. Armado com esse conhecimento, Varnum se voltou para pessoas reais. Ele recrutou inicialmente 501 sujeitos no site da Mechanical Turk, que pagou uma pequena taxa para responderem a duas perguntas. Uma delas era como eles se sentiriam se os cientistas anunciassem a descoberta da vida microbiana alienígena. A outra era como eles pensavam que o público em geral responderia a tal anúncio.

“É muito mais provável que encontremos germes estranhos ao invés de E.T.”, disse Varnum. E ninguém ainda estudou as atitudes das pessoas em relação à descoberta de micróbios alienígenas.

Em um segundo estudo, Varnum recrutou novamente os participantes do Mechanical Turk. Desta vez, eles leram um artigo da vida real sobre a possibilidade de micróbios alienígenas. Em 1996, os cientistas anunciaram que encontraram o que poderiam ser micróbios fossilizados em um meteorito marciano, conhecido como Allan Hills 84001. Hoje, os pesquisadores por trás dessa descoberta ainda pensam que podem ter encontrado sinais reveladores de vida alienígena antiga, embora as pessoas no campo como um todo estão longe de estarem convencidas. De qualquer forma, artigos de notícias contemporâneos sobre a descoberta foram muito positivos, disse Varnum. Ele levantou um do New York Times, retirou a informação sobre a data e o apresentou a 256 participantes como sendo um novo artigo. Como grupo de controle, ele pediu a outros 249 outros participantes para lerem um artigo real sobre a criação de vida sintética no laboratório.

 

Terráqueos adoram ter companhia

Em ambos os estudos, as pessoas reagiram à idéia de vida alienígena com mais positividade do que negatividade, descobriu Varnum. Eles tendem a se concentrar nas recompensas sobre os riscos. Indivíduos no primeiro estudo sentiram que, pessoalmente, responderiam ao anúncio de ETs microbianos com um pouco mais de positividade do que o público em geral, mas eles ainda acharam que a humanidade como um todo ficaria entusiasmada.

No caso do anúncio realista sobre os micróbios marcianos, as pessoas ainda permaneceram positivas. Elas também se sentiram da mesma forma sobre a vida sintética, disse Varnum, mas a vida de Marte tornou as pessoas ainda mais animadas. Essa descoberta sugere que o entusiasmo não é apenas sobre ciência ou descoberta, ou apenas uma vida nova, ele disse, mas especificamente sobre a vida alienígena.

Varnum disse:

Eu acho que pode haver algo de reconfortante sobre saber que a vida não foi um acidente que aconteceu uma vez aqui. Talvez nos faça sentir um pouco menos frágeis ou um pouco menos solitários na extensão do espaço.

Um artigo descrevendo as descobertas está disponível como pré-impressão e está em revisão em um periódico revisado por pares. Varnum gostaria de replicar suas descobertas em outros países para ver se a cultura ou outros fatores influenciam as atitudes das pessoas em relação aos alienígenas. Ele também gostaria de estudar as respostas das pessoas sobre a vida inteligente, mas seria mais difícil enganar os participantes a acreditarem, mesmo que brevemente, que a humanidade fez contato com uma civilização alienígena…

…As reações à descoberta de formas de vida inteligentes fora do planeta Terra podem ser um pouco mais complexas, disse Varnum, mas é difícil dizer. Ele também observou que as pesquisas mostram que mais da metade dos americanos, britânicos e alemães acreditam que a inteligência extraterrestre existe. Trinta por cento acreditam que os alienígenas inteligentes contactaram a Terra, mas que o governo acobertou o fato.

Varnum ainda disse:

Isso levanta outra questão. Se eu fizesse um tipo de estudo onde faria um anúncio falso realista, talvez boa parte dos participantes diria: “Bem, eu já sabia”.

(Fonte)

Seria interessante saber o que a maioria das pessoas do mundo pensa sobre a existência de vida alienígena inteligente, e não microbiana, pois esta última ainda não impactaria nas crenças religiosas de grande parte da humanidade. Mas quanto a vida extraterrestre inteligente, como um exemplo do impacto negativo que isto teria na humanidade, temos aqui mesmo no Brasil pessoas que acreditam que alienígenas não existem, e que aquilo que é manifestado no fenômeno dos OVNIs trata-se de manifestações demoníacas. Assim, pelo menos para essas pessoas, a revelação da vida extraterrestre inteligente teria um impacto muito negativo em suas mentes, pois achariam que o maléfico está tomando conta do mundo, ou algo assim.  E, como todos sabemos, o fanático é muito difícil de ser convencido a sair de seu quadrado.

Mas, em contrapartida, há também religiões que consideram normal a existência de vida extraterrestre inteligente, como é o caso do islamismo, do budismo e, por incrível que pareça, até mesmo o catolicismo.

Assim, é muito provável que teríamos um mundo divido, caso fosse revelada a existência de vida alienígena inteligente. Inclusive, não duvidaria que alguns grupos de arruaceiros usariam isto como desculpa para saquearem lojas e quebrarem o patrimônio público, como já é padrão com o lixo humano que coabita este planeta com as pessoas um pouco mais civilizadas.

De qualquer forma, o que qualquer pessoa possa presumir que seria a reação da humanidade como um todo se esta revelação viesse à tona não passa de especulação, e o real cenário só surgirá se e quando a realidade alienígena for confirmada oficialmente.

Veja abaixo um artigo demonstrando quais religiões seriam mais propensas a aceitarem a vida extraterrestre:

As religiões mundiais estão prontas para a descoberta de vida extraterrestre?

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh