web analytics

Últimos resultados dos testes de DNA das múmias anômalas de Nazca mostram que se tratavam de seres vivos

Sim, as múmias anômalas encontradas perto de Nazca, no Peru, ainda estão “vivas”, assim por dizer. Bem, pelo menos o assunto ainda é razão de grande debate, principalmente agora que os resultados dos testes de DNA provam que são restos mortais de seres que uma vez estiveram vivos.

Veja as mais recentes informações sobre o caso, mostrando que esta história ainda irá causar muita discussão e está longe de ser resolvida, apesar dos resultados dos testes recentes:

testes de DNA das múmias anômalas de Nazca

Caçadores de alienígenas, que esperam provar que as tumbas de Nazca continham extraterrestres, foram deixados em choque após testes dos restos mumificados mostrarem DNA de seres vivos.

Os corpos, que incluíam um cadáver de três dedos, foram encontrados em uma tumba perto das Linhas de Nazca no sul do Peru, e alguns pesquisadores pensaram que poderiam ser uma espécie recém-descoberta ou mesmo alienígenas.

Os cientistas não conseguiram obter códigos de DNA de algumas amostras enviadas para análise, porém os tipos de DNA foram confirmados para uma mão de três dedos e de uma amostra de tecido cerebral.

No entanto, em um golpe para as pessoas que esperavam provas de visitas alienígenas da Terra, as amostras foram concluídas como sendo 100 por cento correspondentes ao DNA humano.

Tanto o tecido da mão como o do cérebro vieram de um Homo sapien masculino, de acordo com um relatório do laboratório de DNA de Paleo na Lakehead University, Ontário, Canadá, agora disponível on-line.

O relatório dizia:

A evidência sugere a fonte de DNA do material biológico do cérebro craniano e do osso extraído da mão pertence ao Homo sapiens (humanos).

Web site da teoria da conspiração, Gaia.com, publicou uma série de vídeos dizendo que os corpos foram encontrados em um túmulo perto das Linhas de Nazca no sul do Peru, e penava-se que poderiam ser uma espécie recém-descoberta ou até mesmo alienígenas.

Os corpos foram datados pelo método de carbono entre 245 a 410 D.C., mas os cientistas da tendência predominante acreditam que eles foram criados para se parecerem com alienígenas, usando os restos mumificados roubados dos túmulos de seres humanos enterrados no passado.

Os organizadores do nono Congresso Anual Mundial sobre Estudos de Múmias, que ocorreu em Lima, Peru, em agosto passado, emitiu uma nota irada no Facebook para que fosse feito um inquérito oficial, a fim de descobrir se crimes arqueológicos haviam sido cometidos.

O congresso reúne especialistas mundiais em múmias e esqueletos em um novo local a cada ano.

Sob o título ‘A Fraude das Múmias Extraterrestres’, traduzido do espanhol, o congresso disse que acreditava que restos de verdadeiro humanos mumificados tinham sido transformados e re-arranjadas para criar criaturas alienígenas com aparência falsa.

Comentando os resultados de DNA, o investigador britânico de OVNIs Nigel Watson disse:

Isso mostra que tem um crânio humano masculino e mãos. Outra farsa é desbancada.

No entanto, Gaia.com desde então, lançou mais um vídeo que sugere que poderia se tratar de um ser intimamente relacionado aos seres humanos e ainda do espaço exterior.

O Dr. Konstantin Korotkov, que está trabalhando com a Gaia.com no projeto, e afirma já ter fotografado uma alma deixando um corpo humano, sugeriu no vídeo que eles podem somente estar relacionados com o DNA humano.

Ele disse:

Desde a primeira análise de DNA, foi comprovado que não se trata de um chimpanzé, não é macaco, mas é o DNA similar ao humano.

Porque sabemos que agora temos três tipos de criaturas similares aos humanos. São os neandertais, Cro-Magnon como nós, e Denisovan.

Agora, no próximo nível, eles têm que fazer uma análise muito mais detalhada e muito mais complicada, então eles vão criar uma biblioteca de genes, e então eles serão capazes de compará-los com o banco de dados de seres humanos.

Assim, vamos ver se é exatamente como o humano ou se é pouco diferente.

A equipe disse que os resultados de DNA iniciais de outra múmia, com o nome “Maria”, mostram que ela é do sexo feminino, e que as amostras de datação por carbono do corpo combinava com a mão, tornando a manipulação de partes do corpo improvável.

O jornalista mexicano Jaime Maussan, que também está trabalhando com a Gaia.com, disse que eles estavam testando agora os corpos menores, similares a répteis.

Ele disse:

Eles são muito, muito similar. É como uma pele do réptil, uma pele de cobra. Isso prova que temos dois tipos de seres.

Se pudermos provar que eles são reais, teríamos seis corpos – provas suficientes para dizer que este caso é real.

O Dr. Raymundo Salas Alfaro, um radiologista do Peru, disse no vídeo:

Estamos cientificamente provando que este corpo é um corpo real, que já foi vivo. Por exemplo, aqui temos os dentes da arcada superior, e aqui estão os da arcada inferior. O crânio com os restos de massa cerebral, esta parte aqui mostra os pulmões para o lado. Este é o coração, com os brônquios e os grandes vasos, pulmões em ambos os lados. Este ainda é o coração, e aqui estão as quatro cavidades e os brônquios, que são preservados.

Escrevendo sobre o caso no site Coletive-evolution. com, Arjun Walia disse:

‘DNA similar ao humano’- o que isso quer dizer?

Afinal, os seres humanos compartilham 50 por cento do seu DNA com uma banana, cerca de 80 por cento com cães, e 99 por cento com os chimpanzés.

Na realidade, nossos genomas diferem em muitos aspectos, mas os números parecem sugerir outra coisa.

O ponto que estou tentando fazer é, com relação a minha pesquisa sobre o fenômeno extraterrestre, o fator comum é humanóide.

Gaia.com terminou o vídeo dizendo que mais testes suplementares de DNA ocorreriam.

(Fonte)

Como pôde ser visto no artigo acima, embora os testes de DNA tenham provado que se trata de material humano, fazendo com que os céticos achem que o caso esteja resolvido por se tratar de uma provável montagem com ossos humanos, aqueles que acham que o caso seja real ainda defendem o fato de que essas supostas criaturas anômalas poderiam compartilhar o mesmo DNA conosco. Assim, não estamos nem perto de chegarmos à uma conclusão final sobre o caso, embora neste momento a probabilidade de que tenha sido uma farsa é muito grande, lamentavelmente.

E para quem não lembra, abaixo está um dos primeiros artigos publicados aqui sobre o caso:

Agora são cinco supostas “múmias alienígenas” trazidas de sítio arqueológico no Peru

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh