web analytics

Astrônomos entram em nova fase da procura por vida extraterrestre

nova fase da procura por vida extraterrestre

O Instituto SETI lançou uma campanha de crowdfunding para a primeira procura por sinais de civilizações alienígenas por “todo-céu, todo-o-tempo”.

A melhor maneira de encontrar flashes de laser vindos de uma civilização alienígena é olhar em todos os lugares, o tempo todo, e um novo projeto tem como objetivo fazer exatamente isso.

O Instituto SETI (busca por inteligência extraterrestre) em Mountain View, Califórnia, lançou detalhes da campanha que ele chama de “Laser SETI: First-Ever All-Sky All-the-Time Search“.

Embora Laser SETI seja eficaz quanto ao custo, câmeras apropriadas para a astronomia devem ser compradas e a parte óptica fabricada, disseram os pesquisadores do Instituto SETI. A organização pretende angariar US $100.000 através da campanha de crowdfunding, que ficara aberta até o dia 18 de agosto.

 

Alienígenas: no ar, o tempo todo?

O presidente do Instituto SETI e CEO, Bill Diamond, disse:

O Universo que chamamos de lar é vasto. Ele também tem quase 14 bilhões de anos de idade, por isso é muito difícil imaginar que estamos sozinhos. Todavia, a vida extraterrestre ainda escapam aos nossos esforços para encontrá-la. Agora você tem a chance de ser uma parte da tecnologia que pode mudar isso para sempre.

Nos últimos 50 anos, se os extraterrestres estiverem utilizando transmissores de rádio maciços ou lasers de alta potência, os astrônomos que conduzem os experimentos no SETI presumiram que os alienígenas estão no ar, o tempo todo.

“Mas isso não pode estar certo,” Diamond disse. “Afinal de contas, esses seres de outro mundo alvejariam implacavelmente nosso sistema solar se, como a esmagadora maioria das estrelas galácticas, eles estão a mais de 100 anos-luz de distância — longe o suficiente para não saberem que estamos aqui, porque nossos próprios sinais ainda não os atingiram?”

Laser SETI é o primeiro experimento para contornar esta suposição, adicionou Diamond, “porque ele foi projetado para encontrar um sinal muito curto que não fica o tempo todo — pode detectar um flash do laser tão curto quanto um microssegundo e um que não se pode repetir por dias, semanas, ou até mais.”

Para detalhes sobre esta nova empreitada do SETI e sua campanha Indigogo, clique aqui.

(Fonte)

Eles poderão até encontrar sinais inteligentes vindos de outras estrelas, mas a pergunta que fica é: Aqueles no poder deixarão que esses astrônomos divulgarem isso?  Também, vale lembrar que se investissem o dinheiro para pesquisar o fenômeno dos OVNIs aqui na Terra, provavelmente não precisariam ir tão longe para encontrar ETs.

Lembrando também que um dos membros da equipe SETI é Seth Shostak, que foi o astrônomo que contestou a declaração de outros astrônomos de que um sinal vindo do espaço no final da década de 70 foi gerado por cometas, e não por extraterrestres. Veja:

O sinal Wow! ainda pode ser de ETs, diz astrônomo do SETI

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

"

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh