web analytics

Por que as autoridades negam a realidade OVNI, embora admitam a portas fechadas?

Ao longo dos anos, várias organizações e indivíduos tentaram desacreditar e ridicularizar o fenômeno dos OVNIs e da visitação alienígena. Embora numerosos relatos de avistamentos desafiam todas as explicações que surgiram ao longo das décadas e têm sido analisadas minuciosamente por várias instituições governamentais, com o veredicto quase sempre sendo a favor da inexistência de ETs.

Mas seria este realmente o caso?

realidade OVNI

Durante o Projeto Blue Book (1952-1970), a Força Aérea dos EUA documentou aproximadamente 12.000 casos de objetos voadores não identificados, 701 dos quais permanecem inexplicáveis.

O meta principal do projeto foi a de determinar se os OVNIs eram uma ameaça à segurança nacional daquele país, e obter mais dados científicos relacionados a cada avistamento. Lembre-se que o projeto não mencionou nada sobre OVNIs serem reais, mas sim se apresentavam uma ameaça.

As conclusões foram as seguinte:

  1. Nenhum dos OVNIs investigados pareciam ser ameaças à segurança nacional;
  2. Com base no material analisado, a Força Aérea não encontrou prova de tecnologia avançada ou conhecimento além do conhecimento científico moderno;
  3. Não houve prova indicando que material secreto falando sobre “objetos não identificados” tinham algo a ver com ” veículos extraterrestres”.

Mas será que falaram a verdade?

O Projeto Blue Book também foi precursor do Projeto Sign, outra operação da Força Aérea de 1947, considerado uma tentativa genuína de documentar “discos voadores”, de forma exaustivamente científica, usando algumas das mentes mais brilhantes do ambiente militar e científico. As autoridades declararam o Projeto Sign como sendo um sucesso, e após somente 12 meses, um relatório havia sido enviado ao Pentágono.

Realmente não havia nenhuma ameaça soviética, como se pensava anteriormente, mas ao invés disso uma nova noção de “visitantes de fora” havia sido levantada por aqueles responsáveis pela pesquisa. Foi quando todo o assunto dos OVNIs/alienígenas foi dividido. De um lado da cerca estavam aqueles querendo falar publicamente sobre os intrusos alienígenas, enquanto o outro lado tinha aqueles que consideravam o assunto inapropriado para revelar ao público, porque poderia causar dano à integridade dos militares.

Agora, se ligarmos a causa e o efeito dos dois projetos supra mencionados, você compreenderá o porquê do governo dos EUA ter tomado tanto tempo para desacreditar um fenômeno autêntico que havia anteriormente sido provado em somente 12 meses. Os militares tinham a tecnologia de fora deste mundo sobre a mesa, e o potencial parecia imenso; é por isto que a ganância prevaleceu sobre a nova realidade que poderia ser instituída neste mundo.

Desde a década de 1950, os militares tinham tecnologia alienígena obtida por engenharia reversa, e tinham desde então construído uma esquadrilha espacial e ferramentas de espionagem ultra-secretas, as quais os impulsionariam à frente da competição. Ao invés de começarem uma guerra sem precedentes com o desacobertamento sendo o elemento central, os militares decidiram que seria em seus melhores interesses cessar este conhecimento extraterrestre e mantê-lo afastado dos olhos atentos.

Após Bob Lazar ter falado publicamente sobre esta realidade, e de como ele trabalhou em engenharia reversa de naves alienígenas, mais delatores por todo o globo se manifestaram, falando a favor da realidade OVNI/alienígena.

Hoje em dia, temos uma tremenda informação a respeito de avistamentos de OVNIs, casos de abduções e tecnologia avançada. Na verdade, encontramos esta tecnologia ao nosso redor, mas o ‘fator sensacional’ foi diminuído, como se nossa cultura sempre tivesse se beneficiado daquilo que temos hoje.  Daqui uma década teremos carros voadores voando por aí, sistemas de viagens ‘hyperloop‘, realidade aumentada e mais tecnologias inovadoras que parecerão muito familiares e parte integral das vidas diárias das pessoas.

Estamos lentamente ‘terraformando’ nossa Terra, e os contribuidores principais são as agências que se beneficiam do hardware alienígena.  Veja, atualmente há somente uma pequena fração do poder nas mãos das pessoas, e a lacuna está aumentando a cada ano, em favor daqueles que estão no poder.

Não sabemos o que o futuro guarda para nós, mas a ideia principal indica a ocorrência de uma invasão alienígena falsa. Tudo tem sido orquestrado pelos nossos governos, os quais estão preparando o cenário para um desacobertamento total, mas a realidade futura será somente um produto de suas perspicácias corruptas.

Verdadeira ou não as alegações do parágrafo final do artigo acima, para aqueles que estudam seriamente e atentamente o fenômeno dos OVNIs, sem descartá-lo de imediato para se sentirem mais inteligentes, é incontestável esta realidade, a qual, se fosse aberta oficialmente, beneficiaria a humanidade de formas inimagináveis.

n3m3

Fonte

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh