web analytics

A verdade sobre os OVNIs logo será revelada? Avistamentos triplicaram nos últimos 15 anos

As estatísticas estão compiladas num novo livro, que foi escrito usando os bancos de dados de duas das maiores organizações do mundo dedicadas ao registro de relatos de OVNIs e encontros com alienígenas ao redor do globo.

A verdade sobre os OVNIs

O livro “UFO Sightings Desk Reference”, de Cheryl Costa, de 65 anos, e Linda Miller Costa, de 62, de Syracuse, Nova Iorque, usou relatos de 121.036 testemunhas de todos os estados dos EUA, os quais foram registrados separadamente pela Mutual UFO Network (MUFON) e do National UFO Reporting Center (NUFORC), entre 2001 e 2015, para detectar o aumento de avistamentos.

O livro analisa o momento e a localização dos incidentes, bem como os tipos de OVNIs avistados, que incluem círculos, esferas, triângulos, discos, ovaloides e charutos voadores.

De acordo com Cheryl, um técnico ex-militar e analista aeroespacial, e Linda, uma bibliotecária da Faculdade Le Moyne e ex-bibliotecária da Academia Nacional de Ciências, NASA e da Agência de Proteção Ambiental, a MUFON e a NUFORC decidiram que a maioria dos avistamentos eram ‘explicáveis’, mas uma pequena quantidade ainda não pôde ser explicada.

As descobertas chave do livro foram que o número total de avistamentos de OVNIs mais do que triplicou até 2015, de seus níveis médios em 2001.

O livro mostra que os avistamentos de OVNIs nos EUA cresceram de 3.479 em 2001 para 11.868 em 2015.

A MUFON e a NUFORC dizem que somente uma fração de todos os avistamentos feitos chegaram até eles – assim há muitos mais.

Há um crescente movimento para o “desacobertamento” nos Estados Unidos, o qual acredita que alienígenas inteligentes visitam a Terra, e o governo está ciente disto, mas tenta ocultar a verdade.

Ativistas do desacobertamento, tais como Steve Bassett, diretor do Paradigm Research Group (PRG), promove uma campanha para terminar com o, assim chamado, embargo da verdade.

Bassett acredita que o fato de haver muitos mais avistamentos agora significa que a verdade logo será revelada, pois a Casa Branca não mais será capaz de mantê-la escondida.

Ele disse:

Com este compêndio, Cheryl e Linda Costa têm lembrado ao público e à imprensa que o fenômeno extraterrestre continua com força total.

Cheryl disse sobre o fato da dupla ter escrito o livro:

Queríamos fazer nossa parte em prol do desacobertamento. É algo que o governo deveria estar fazendo.

Estamos fazendo pesquisas científicas. A loucura é não estarmos dispostos a pesquisar.

Sua pesquisa descobriu que julho é o mês mais movimentado para avistamentos de OVNIs, mas possivelmente porque há mais pessoas fora de casa (pelo fato de ser verão nos EUA).

Houve um estranho pico de avistamentos no Texas em 2008, e outro no Novo México em setembro de 2015.

Então, quais foram as conclusões?

A dupla disse ter visto elas mesmas OVNIs, mas não alcançaram uma conclusão firme a partir dos estudos dos dados.

Linda disse:

Não sabemos, mas todas estas pessoas estão vendo estas coisas.

Os céticos argumentam que o aumento no número de celulares e câmeras digitais é responsável pelo aumento de supostas fotos e vídeos de OVNIs, e que o compartilhamento nas redes sociais torna o assunto muito mais conhecido.

O aumento no uso de drones é outra explicação dada pelo aumento da atividade OVNI.

E então há aqueles casos impossíveis de serem explicados pela ciência!

n3m3

Fonte

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh