web analytics

Seria a Lua um posto de observação alienígena avançado para nos monitorar?

Esta tema já foi abordado aqui no OH, mas é interessante o suficiente para ser apresentado novamente:

É claro, dizer que a Lua é artificial pode soar como loucura, mas porque ela soa como um sino quando é atingida?

Expedições anteriores a Lua trouxeram de volta consideráveis quantidades de informação, mas o satélite natural do nosso planeta ainda permanece, pela maior parte, um mistério para os pesquisadores.

lua-artificial

O primeiro homem nomeado pela NASA como diretor da Comissão de Exploração Lunar, Dr. Jastrow, se referiu à Lua como sendo “a Pedra de Roseta dos planetas”.

Muitos ovniólogos  estão convencidos que  a lua, a qual muitos acreditam ser um satélite natural, foi de fato construída por uma civilização mais avançada para ser uma base de estudos de onde eles poderiam documentar o comportamento de nossa espécie.

Outros acreditam que os alienígenas não estão interessados em  nossa sociedade, pois eles não compreendem a violência interracial.  Assim a Lua serve como uma simples Torre de Vigia que os permite saber se a raça humana irá tentar deixar a Terra e viajar através do espaço.

Teóricos moderados dizem que seu corpo é coberto por uma camada rochosa,  a qual pode medir mais de 5,8 km da superfície,  feita de componentes químicos extremamente duráveis que poderiam aguentar impactos em larga escala, como de um asteroide ou cometa, sem sofrer muitos danos.

Um pesquisador da NASA, chamado Robin Brett, uma vez declarou:

“ É mais fácil explicar a não existência da Lua, do que sua existência.”

Aqui estão alguns fatos estranhos que nos fazem acreditar que a Lua foi na verdade construída:

Em 1969, os Estados Unidos construíram um módulo com o propósito único de se chocar contra a lua, para estudar os efeitos deste impacto.  Dizem que a força estimada que teve ao impactar foi a de uma tonelada de TNT.

Após o impacto controlado, os especialistas observaram as ondas geradas pelo choque e ficaram intrigados.  A Lua soou semelhante a um gigante sino, e o eco reverberou por mais de meia hora.

Ken Johnson, o homem que supervisionou a foto e a informação, declarou que a Lua também vibrou ou “ sacudiu”  de forma simétrica, “quase como se tivesse um gigantesco amortecedor hidráulico dentro dela”.

Alexandre Shcherbakov e Mikhail Vasin publicaram um artigo durante a década de 70, intitulado “Is the Moon the Creation of Alien Intelligence? ( É a Lua a Criação de Inteligência Alienígena?) No artigo, eles fizeram algumas perguntas legítimas e expuseram fatos conhecidos que desafiaram quaisquer explicações lógicas.

A superfície da Lua, a única parte que pode ser estudada, contém minerais e é pela maior parte feita de materiais duros.

Também descobriram que amostras da Lua continham material forjado, que não poderia ter se formado lá ou chegado por si mesmo.

Os cientistas descobriram urânio altamente processado que a ciência nunca foi capaz de conseguir fazer através de processos naturais. Eles também descobriram traços de metais radioativos normalmente usados para produzir o plutônio em grande escala.  Esta é uma clara evidência de que a Lua não é tão inativa quanto pensávamos.

É de conhecimento comum que a nossa Lua não tem o núcleo duro como os outros planetas, ou como outros satélites naturais, e sua massa é concentrada em um número de pontos, a maioria dos quais estão localizados em baixa as profundidades.

O outro fato bem conhecido é que a Lua tem mais de 4 bilhões e meio de anos,  o que a torna mais velha do que a Terra. Ela é diferente de qualquer outro satélite conhecido no universo.

Diferente de quaisquer outros satélites naturais, ela tem uma órbita perfeitamente redonda ao redor do nosso planeta. E a mesma face da Lua está sempre voltada à Terra.

O titânio, um metal muito raro e caro, usado para o desenvolvimento de tecnologias avançadas (ônibus espacial ou submarinos),  é encontrado em quantidades grandes e concentradas dentro das rochas da Lua.  Harold Urey, o químico vencedor do prêmio Nobel, ainda está muito confuso a respeito deste fato.

Fatos estranhos, como os que você acabou de ler, continuam sendo encontrados todos os dias, enquanto a ciência moderna falha em explicá-los.

Não somente a quantidade de informação sobre a Lua é muito escassa, mas também o percentual de pessoas com acesso a ela está sendo mantido sob controle.

n3m3

Fonte

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh