web analytics

Avistamento de OVNI / UFO é reportado por astrônomo nos EUA

Um astrônomo na cidade de Lebanon, estado de Oregon – EUA, reportou um avistamento de OVNI que voou por sua propriedade.  O misterioso objeto teria voado passando pela testemunha à uma velocidade incrível, a pouco mais de um metro de altura e paralelo ao solo.  Ao passar, diz a testemunha, ele teria emitido um estranho ruído, causando uma distorção do ar ao seu redor.

De acordo com o testemunho enviado à Mutual UFO Network (MUFON – Caso 77679), a testemunha estava em pé fora de casa com sua esposa, em 10 de julho passado, quando um misterioso objeto voou por sobre sua propriedade entre a testemunha e sua esposa, rápido demais para que pudessem registrar suas características, reportou o site Open Minds TV.

“Algo passou entre minha esposa e eu, a aproximadamente 1,20 metros do solo, fazendo um ruído não identificado, e à uma velocidade extraordinariamente rápida”, disse a testemunha que não quis revelar seu nome. “Nem eu, nem minha esposa acreditamos em ‘alienígenas entre nós’ ou ‘visitações'”.

pequeno-ovni

Imagem meramente ilustrativa.

O que deixou a testemunha confusa foi o impacto que o OVNI causou no ar ao passar próximo deles.  De acordo com a testemunha, objeto fez um estranho ruído e gerou uma distorção do ar, similar ao que acontece quando a superfície calma de uma piscina é perturbada.

A testemunha se identificou como um físico com uma longa carreira em astronomia.  Ele trabalhou no [observatório] Mauna Kea, no Havaí, e gerenciou um observatório particular equipado com um telescópio Meade LX200 de 12 polegadas, o qual utilizava para rastrear objetos próximos à Terra.

Sua esposa trabalhou como contadora para um banco.

“Seja lá o que tenha sido, ele causou uma distorção do ar entre nós por um instante”, disse a testemunha em seu relatório da MUFON.  “Vivemos numa área suburbana* e nossa residência é cercada por uma floresta.” (*Nos EUA a região suburbana de uma cidade geralmente é reservada para a classe média à classe alta.)

Ele descreveu a área ao redor, dizendo que havia uma colina de 150 metros de altura em sua propriedade, a aproximadamente 50 metros de distância.

“À minha direita, de onde veio o objeto, está uma colina de 150 metros de altura, a 50 metros de distância, que também é de nossa propriedade”, disse ele.

O OVNI passou tão rapidamente que ele foi incapaz de dar qualquer descrição sobre ele. Mas ele está certo que não era um projétil, porque veio da direção da colina.

Ele também disse que o ambiente estava bem calmo e que ele e sua esposa não escutaram quaisquer sons que poderia ser descritos como armas de fogo.  A testemunha ainda enfatizou ser proprietário de uma arma, e que estava familiarizado com relatos de armas de fogo.

A testemunha ainda disse que nunca viu algo tão desconcertante. O incidente o assustou e também aguçou sua curiosidade.  Ele pensou sobre isto por um longo tempo, mas foi incapaz de compartilhar a experiência com outras pessoas.  Como cientistas, este avistamento contradiz sua visão do mundo.

Contudo, ele finalmente compartilhou a experiência com um amigo, o qual o incentivou a reportar para a MUFON.

“Ainda estou para ver qualquer coisa inexplicável, seja aqui, seja no topo do Mauna Kea”, disse ele.

“Isto posto, o evento que minha esposa e eu testemunhamos não somente nos amedrontou, mas nos deixou com uma profunda curiosidade sobre sua origem.  A distorção do ar entre nós pareceu como se estivéssemos olhando através da água. O barulho foi sutil, mas diferente de tudo que já escutamos.”

A MUFON disse que seu representante no estado de Oregon estava investigando o caso.

Esta não é a primeira vez que uma testemunha com histórico científico relata à MUFON sobre um avistamento de OVNI.

Um estranho caso foi enviado à MUFON, sob número 74272, envolvendo um cientista que trabalhou como terceirizado para o Departamento de Defesa dos EUA.  A testemunha reportou ter avistado um OVNI de ‘plasma azul’.

O homem, que também escolheu anonimato, mas foi classificado pelos investigadores da MUFON como sendo ‘altamente confiável’ devido ao seu histórico profissional como especialista em sistemas eletromagnéticos e a laser, disse aos investigadores da MUFON que, em 28 de agosto de 2013, ele avistou numa floresta enquanto caçava em Ontário, no Canadá, um OVNI em formato de alteres ou receptor telefônico.

Ele e seus companheiros de caça viram o OVNI às 21h40, a aproximadamente 120 metros de distância, e à uma altura de aproximadamente 50 metros.  O diâmetro das pontas do OVNI era de aproximadamente 18 metros e a espessura de aproximadamente 6,5 metros.

Ele descreveu o brilho do OVNI como sendo uma “luz coerente” e enfatizou que podia dizer com seus olhos treinados como especialista em laser que não se tratava de um laser focado, mas sim ‘desfocado’.  Ele também disse que parecia que era feito de um pedaço forjado de mercúrio.

O OVNI voou para longe antes que pudessem filmar, mas ele foi capaz de registrar uma ‘assinatura eletromagnética’ dele.

n3m3

Fonte: inquisitr.com

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh