web analytics

A misteriosa esfera da família Betz


26 de maio de 1974.

Terry Betz, um aluno de faculdade, junto com sua mãe, Gerrie, e seu pai, Antoine, estavam dando uma caminhada por sua propriedade de 35,6 hectares na Ilha Fort George, ao leste de Jacksonville, na Flórida – EUA.  Eles estavam fazendo um levantamento de um dano recentemente causado por um incêndio florestal, quando descobriram uma esfera lisa de metal, maior do que uma bola de boliche.  Não havia nenhum símbolo nela, exceto por um pequeno triângulo estampado na superfíc

Intrigado pelo curioso objeto, Terry o levou para casa e o colocou em seu quarto.  Um par de semanas mais tarde, ele descobriu que algo era estranho a respeito deste globo; enquanto ele estava tocando sua guitarra, percebeu que o objeto estava vibrando como um diapasão em resposta à música e emitindo sons pulsantes.  E mesmo quando não estava respondendo às notas musicais, o cachorro da família ficava perturbado pela esfera.  Ele cobria seus ouvidos e choramingava como se estivesse ouvindo algum som não muito agradável, fora da audição humana.

Cinco cientistas se reúnem hoje para discutir sobre a bola de aço.

A família Betz então alegou ter observado que quando a esfera era rolada sobre o assoalho, ela parava e então mudava de direção por si própria – algumas vezes de forma múltipla – e então retornava ao ponto de onde havia partido.  E quando colocada sobre uma mesa de centro com o topo de vidro, ela tentava rolar para fora, como se estivesse procurando uma forma de descer dela.  Os Betz estavam tão convencidos de que a bola estava se movendo por vontade própria e poderia tentar escapar da casa, que eles começaram a prendê-la num saco à noite enquanto dormiam.

Eles apresentaram a esfera para a imprensa e logo ficaram inundados com chamadas e visitas de repórteres e estudiosos do fenômeno dos OVNIs, que apareciam em seu quintal e telefonavam 24 horas por dia.  Até mesmo J. Allen Hynek examinou o objeto, bem como a Marinha dos EUA.

Supostamente, como ditam os boatos, o exame de raio-X da Marinha revelou que a misteriosa esfera continha dois objetos redondos, cercados por uma auréola, feita de algum tipo de material magnético impossivelmente denso.  As duas esferas internas pareciam ser feitas de um elemento mais pesado do que qualquer outro conhecido.  O elemento mais pesado artificialmente produzido possui um peso atômico de número 105, e o material mais pesado que ocorre naturalmente na Terra é o Urânio, com um peso atômico de 92.  Alegadamente, foi determinado (exatamente por quem, não está claro) que a substância dentro da esfera dos Betz tinha um peso atômico de 140.

Mais exames da estranha bola de metal

Várias teorias sobre a esfera têm sido propostas, porém elas sugerem que o objeto não passe de algo mundano.

Alguns dizem que a esfera era um marcador de profundidade oceânica, enquanto outros dizem que era uma válvula esférica do maquinário de uma fábrica de papel.  O estranho comportamento da esfera, eles insistem, deve ter sido efeito das mentes de todo mundo que estavam pregando peças neles.

Seja lá como for, agora é provavelmente impossível saber, pois após a enxurrada de cobertura pela imprensa a família Betz ocultou a esfera.  Muitas pessoas que seguiam o caso dizem não ter conseguido localizar a família.

n3m3

Fonte: floridazone.blogspot.com.br

Colaboração: Predador

Termos recém pesquisados por leitores:

"

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh