web analytics

Ex-agente da Força Aérea dos EUA diz ter forjado documentos relacionados aos OVNIs

Para-uso-oficialAssim como muitos assuntos que envolvem a raça humana, quando se trata do assunto OVNI e possibilidade de vida extraterrestre,  sabemos que há pessoas que podem difundir mentiras para conseguirem chegar a um determinado fim, custe o que custar.

Veja abaixo, um artigo de Alejandro Rojas, editor do Open Minds Magazine, escrito para o Huffington Post, no qual é apresentado mais um caso onde a verdade parece ter sido a primeira vítima de toda a história:

Tenho estado pesquisando OVNIs por muitos anos, aprofundando-se nas entranhas da inteligência sobre OVNIs, e um nome aparece frequentemente.  Seu nome é Richard Doty, e na década de 1980 ele era um agente especial para o Escritório de Investigações Especiais da Força Aérea dos EUA (sigla em inglês AFOSI), servindo na Base Aérea de Kirtland, em Albuquerque, Novo México.  Ele alega que, enquanto estava lá, foi encarregado de forjar documentos e alimentar informações falsas aos pesquisadores de OVNIs.  A Força Aérea se recusa a comentar se sabia dessas atividades e se as alegações de Doty são mesmo reais.

Não seria tão ruim se as suas histórias de acidentes de OVNIs e grupos secretos de gerenciamento de OVNIs, tais como o legendário JH-12, não fossem o assunto de grandes quantidades de livros, filmes, vídeo games, e sabe-se lá o que mais.  Ele também diz ter atuado como consultor para o seriado Os Arquivos-X, que é uma das poucas de suas alegações que pode ser constatada como verdadeira.

A estória de Doty mudou ao decorrer dos anos, e alguns dos detalhes das estórias são conflitantes.  Frustrado com toda essa situação, decidi enviar pedidos à Força Aérea, sob o Freedom of Information Act – FOIA (Lei da Liberdade de Informação), para descobrir mais.  Também queria uma resposta oficial a respeito de Doty ter sido ordenado a criar estes documentos forjado.

Primeiramente a Chefe de Relações Públicas do AFOSI foi muito prestativa.  Ela expediu meu pedido e eu recebi alguns documentos muito interessantes. Disseram-se que, quando meu pedido à FOIA fosse respondido, ela me ajudaria a encontrar alguma pessoa para eu conversar, a fim de obter uma declaração oficial.  Porém, uma vez que recebi os documentos, ela não mais quis falar comigo.

O que estava contido no documento era muito interessante e corroborava com algumas das lendas ao redor dos assuntos de Doty.  A história começa com um homem chamado Paul Bennewitz, que era proprietário de um empresa de equipamento de umidificação, a qual tinha contratos com a base Kirtland.  Sua casa e seu escritório eram próximos a Kirtland e ele acreditava estar vendo OVNI por sobre a área da base que alojava armamentos nucleares.  Ele também acreditava estar recebendo transmissões de alienígenas que pilotavam aqueles OVNIs.  Surpreendentemente, a Força Aérea fez suas vontades.  Eles enviaram Doty e um oficial para investigar, mas o AFOSI decidiu que mais investigação seriam desnecessárias.

Alguns dias mais tarde, foi permitido a Bennewitz apresentar sua evidência para alguns dos oficiais e cientistas na base.  Ele queria um subsídio para conduzir mais pesquisas e um dos cientistas disse que ajudaria a Bennewitz preencher a papelada para o subsídio.

Os documentos também declaram que dois senadores do estado do Novo México tinham ido até Kirtland para conferir a investigação do AFOSI sobre Bennewitz e seus contatos com ETs.  Aparentemente, Bennewitz tinha procurado por ajuda.  Ambas as vezes foi dito aos senadores que não havia investigação alguma.

Doty alega que não contaram a verdade aos senadores.  Doty diz que pediram a ele para fazer Bennewitz acreditar que havia uma invasão alienígena iminente, porque Bennewitz na verdade estava observando projetos secretos da Força Aérea.  De acordo com Doty, a Força Aérea queria desacreditar Bennewitz, para que ninguém pudesse saber disso.  Porém, Doty alega que para fazer isso ele forjou documentos que foram dados a Bennewitz e outros pesquisadores de OVNIs, e que ele arrombou a casa e o escritório de Bennewitz.

Consegui confirmar que Doty realmente deu a Bennewitz documentos que o fariam acreditar que ele estava sob investigação, embora Doty tenha falado a ambos os senadores que isso não havia ocorrido.  No final, Bennewitz se internou numa casa de tratamento mental devido a paranóia.  Doty obteve sucesso e Bennewitz ficou convencido de uma iminente invasão alienígena.

Tudo isso é incrivelmente inescrupuloso e Doty alega ter feito tudo isso sob ordens.  Doty agora é uma sargento da Polícia Estadual do Novo México, em Grants.

Eu acho que a Força Aérea precisa esclarecer as alegações de Doty.  Eu escrevi uma carta e enviei à Força Aérea pedindo respostas.  Ainda não recebi nada.  Coloquei esta carta online, junto com referências extensivas das minhas fontes e dos documentos que recebi da FOIA.  Veja se você concorda que a Força Aérea precisa esclarecer esta situação de uma vez por todas.

-Alejandro Rojas

Embora as alegações de Doty vão em desencontro à afirmação de que estamos sendo visitados por seres com tecnologia superior à nossa, devemos confiar num agente de desinformação? 

O caso serve para nos mostrar que não podemos confiar em instituições governamentais, no que diz respeito a divulgação da verdade, seja qual for o caso.  A versão apresentada por estas instituições, ao público em geral e até mesmo a outras autoridades, sempre terá um propósito maior, que é o de proteger a própria instituição.

n3m3

Fontewww.huffingtonpost.com

Termos recém pesquisados por leitores:

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh