web analytics

Voo particular espacial até Marte, com retorno à Terra, precisa de ajuda da NASA

Turista-espacial-e-multimilionário-Tito

Dennis Tito, multimilionário e turista espacial, quer promover voo até Marte, com retorno à Terra.

A Fundação Inspiration Mars, dirigida pelo primeiro turista espacial, o multimilionário Dennis Tito, pretende enviar um par de exploradores espaciais para um sobrevoo de Marte em somente 7 anos.  Este lançamento para 2021 se aproveita de um raro alinhamento, o qual permitirá aos astronautas passarem por Vênus e Marte em uma só viagem, e regressarem à Terra após tal feito.

Mas para cumprir esta missão dentro desta janela de oportunidade, será necessária a ajuda da NASA, e muitos trabalhos e recursos deverão ser empregados para que isso se torne realidade.

Esta iniciativa privada, que terá como base um módulo modificado Cygnus da empresa privada Orbital Space Corporation, espera que um foguete gigante com novos sistemas de lançamento seja oferecido pela agência espacial estadunidense, assim como uma cápsula de espaço profundo Orion – ambos atualmente em desenvolvimento.  A Câmara de Representantes do Comitê de Ciência, Espaço e Tecnologia dos EUA tiveram uma audiência no Congresso dos EUA para discutir a praticabilidade desta missão para 2021.

Continuo acreditando, igual a muitos estadunidenses, que Marte é o destino lógico para colocar a exploração espacial humana de novo em ação, e demonstrar a vigência do espírito ‘pode ser feito’ que parece ter desvanecido com o tempo“, disse Tito em uma declaração escrita, que foi emitida depois da audiência.  “A janela de oportunidade em 2021 é difícil, mas alcançável“, completou.

A audiência incluiu testemunhos de várias fontes, inclusive Scott Pace, diretor do Instituto de Política Espacial; Leste Lyles, consultor aeroespacial independente; Doug Cook, ex administrador associado da NASA para o Diretório d Missões de Sistemas de Explorações; e Sandra Magnus, diretora executiva do Instituto de Aeronáutica e Astronomia, informou o site Space.com.

Embora um sobrevoo de Marte possa ser possível em 2021, não será possível sem uma avaliação e um calendário claros, disseram os especialistas.  A agência espacial também deve expor sua visão para outros marcos que ajudariam a abrir o caminho para o sobrevoo, disse Magnos, ex astronauta da NASA.

Magnus falou também do orgulho nacional que circunda o programa espacial, citando como exemplo o programa Apolo da NASA, que enviou o primeiro astronauta à Lua em 1969.  Contudo, de acordo com a NASA, esse programa não se tornou sustentável.

Veja abaixo o vídeo da audiência conduzida no Congresso dos Estados Unidos:

n3m3

Fonte: www.europapress.es

Loading...

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh