web analytics

No futuro, robôs poderão reproduzir entre si e eventualmente com humanos

sexo-entre-humano-e-robôUm engenheiro especializado em inteligência artificial acredita que os robôs poderão ter relações sexuais entre si e evoluir para produzirem ‘crias’, e este cenário assustador pode estar mais próximo do que imaginamos.

Um outro especialista cibernético disse ao Mail Online que o cruzamento entre robôs poderá existir daqui somente 20 ou 30 anos.  Outra autoridade em robótica sugere que as máquinas poderão imprimir suas ‘crias’ da mesma forma que as impressoras em 3D funcionam hoje.

George Zarkadakis, que é um escritor e também engenheiro, ainda prevê que os humanos poderiam até mesmo ter relações sexuais com as máquinas para criarem uma nova espécie híbrida.

Escrevendo para o The Telegraph, ele disse: “Talvez os ciborgues do futuro possam envolver a participação humana na reprodução sexual de robôs e na criação de uma nova espécie híbrida“.

Porém, Noel Sharkey, professor de inteligência artificial e robótica da Universidade de Sheffield, acha que o futuro poderá ser mais simples.  Apesar dele acreditar que o futuro da inteligência artificial possa ser baseado em silício e carbono, com cérebros digitais comandando estruturas moleculares orgânicas, ele disse que os robôs provavelmente irão imprimir suas crias da mesma forma que hoje se imprime com as impressoras em 3D.

Ele acredita que os robôs talvez serão particularmente inteligentes e poderiam procriar pela troca de software, para que o código usado para criar robôs que são particularmente bons numa determinada tarefa pudesse ser combinado para produzir uma cria superior, que eles pudessem imprimir e possivelmente montar eles mesmos.

Se os robôs forem capazes de cruzar entre si, Zarkadakis acredita que o sexo os defenderia dos vírus de computador, bem como o sexo entre os humanos nos defende contra ataques de parasitas.  Ele também disse que a atividade sexual entre robôs os faria mais robustos e aceleraria a sua evolução para que novas máquinas pudessem se desenvolver mais rápido, a fim de se encaixarem na vida terrestre do futuro.

O Professor Kevin Warwick, do Instituto de Engenharia e Tecnologia disse ao MailOnline que os robôs já são bons no ato de produzirem novos robôs melhores que a si mesmos. Quanto ao fato de humanos terem relações sexuais com robôs para a procriação, ele disse que não está fora de questão, mas que “é assustador” e “atualmente um cenário de ficção científica“.

Contudo, ele acha que pequenos passos serão tomados nessa direção.

Atualmente muitas pessoas possuem tecnologia dentro delas, assim a pesquisa para híbridos humano/robô poderia ajudar muitos humanos.

Tais pesquisas poderiam ser usadas para dar às pessoas habilidades extras e ajudar os cientistas a compreender muito mais sobre o corpo humano, mostrando, por exemplo, como o mal de Alzheimer toma um cérebro, disse ele.

Apesar da pesquisa poder ajudar os humanos, o Professor Warwick alerta que se um robô puder se auto replicar, evoluir e melhorar mais rapidamente do que humanos, nós poderíamos terminar dentro de um cenário futuro de pesadelo.

Por que se importar com humanos, então?” ele perguntou, adicionando, “Queremos chegar a esse ponto?“.

Fonte das informações: www.dailymail.co.uk

É a costumeira insanidade humana gerenciando os caminhos do futuro da raça, em nome da ciência e do bem estar.  

Se hoje não vivemos em harmonia nem mesmo entre humanos com o mesmo tom de pele e credo que torcem para times de futebol diferentes, imagine quando adicionarem um ciborgue à equação.

Um dia o tiro sai pela culatra!

n3m3

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh