Teria um OVNI / UFO sido destruído durante a Guerra do Golfo?

A Internet está repleta de rumores a respeito de uma suposta guerra que estaria ocorrendo entre humanos e alienígenas.  Este blog não subscreve a estas alegações, mas seguindo a nossa promessa de disponibilizar artigos relevantes ao nosso tema, para que o próprio leitor faça sua avaliação, publicamos abaixo um resumo do artigo publicado por John Kettler, que é um entusiasta estadunidense deste assunto cativante:

U.S.S. Wisconsin, alegado ‘derrubador’ de OVNIs.

A história altamente secreta pode ser encontrada na Internet, mas eu a consegui através de meus contatos, completa com níveis de detalhe que simplesmente não estão disponíveis em outro lugar.  Tudo começou inocentemente – se você considerar uma guerra para a disputa de petróleo algo inocente.  A batalha aérea para a operação Tempestade no Deserto começou em 15 de janeiro de 1991.  O OVNI atacou o navio U.S.S. Wisconsin em 24 de janeiro de 1991, logo após a esquadra bombardear o Iraque com os mísseis Tomahawk.  Este ataque consistiu de vôo à perigosa baixa altitude, combinado com um ataque psiônico, percebido por todos como um som ensurdecedor de alta frequência, que ficou muito pior quando o OVNI pairou a 600 metros de altura sobre a esquadra.

O OVNI, que antes de ter saído da água, foi pego pelo sonar à velocidade de 152 nós, ou 281 km/h, aparentemente fervia a água que estava em contato com sua fuselagem ao sair do mar.  A opinião de meus contatos é de que o OVNI saiu da água devido ao sonar ativo da esquadra, que era utilizado para localizar submarinos iranianos, o qual estava continuamente emitindo seu sinal e perturbando os ocupantes da base subaquática…

Como uma das fontes ironicamente observou, “é uma péssima idéia irritar pessoas que acesso a gatilhos”.  É ainda pior se muitos gatilhos estão envolvidos!  A força que foi irritada consistia do couraçado da Classe Iowa – U.S.S. Wisconsin (BB-64), escortado pelo cruzador Classe Leahy – U.S.S. England (DLG/CLG-22), o destróier Classe Spruance – U.S.S. O´Brien (DD-975), a fragata Tipo 22 – H.M.S. Battleaxe (F89) e a fragata classe Leander (Batch E) H.M.S. Jupiter (F60).

A batalha ocorreu em plena luz do dia, no início da tarde, de acordo com minhas fontes.  O OVNI estava diretamente acima da esquadra, quando o comandante do U.S.S. Winsconsin, ciente que toda a tripulação estava ficando louca pelo som estridente, decidiu remover o irritante OVNI do cenário.

Em uma ação que relembrou a Segunda Guerra Mundial, mas com a utilização de tecnologia moderna, canhões e metralhadores foram usados para atacar o objeto.  Quando perguntadas porque mísseis não foram utilizados, minhas fontes opinaram que foi uma escolha deliberada para propiciar um aumento do moral da tripulação.  De acordo com a informação que recebi e de outros relatos, os navios basicamente descarregaram toda sua munição de 40mm e balas de 5 polegadas em vinte minutos de ação…

Canhões 16″ Mark 50 do U.S.S. Wisconsin

Após descarregarem o armamento, o OVNI ainda estava pairando acima da esquadra, aparentemente ileso.  A decisão do mesmo de descer até 150 metros de altura, baseado na percepção de imunidade contra o armamento naval, foi desastroso.  Por que?  O OVNI, agora confirmado como sendo de fontes reptilianas, ficou cara a cara com o mais recente armamento naval daquela época – e perdeu.

Os nove canhões 16″ Mark 50 do U.S.S. Wisconsin não foram projetados para defesa antiaérea, mas se o alvo decide pairar a uma milha náutica de distância, e a 150 metros de altura, então vale a tentativa.  Duas torres de canhões dispararam seis balas devastadores, das quais duas atingiram o alvo, penetrando profundamente o OVNI, e então detonando o objeto em pedaços tão pequenos, que até hoje nenhuma missão de recuperação de destroços foi organizada…

Como era de se esperar, não há prova alguma de que este evento tenha realmente ocorrido.  Mas vamos deixar que o próprio leitor expresse sua opinião a respeito disso na área de comentários.

E para quem queira investigar mais a respeito da possibilidade de que os ETs estejam engajados em uma guerra secreta com os humanos, o site de John (em inglês) está repleto dessas notícias.

n3m3

Fonte: johnkettler.com

Arquivado em: Fotos, Notícias, OH, Opinião Tags: , , , , , , ,

PARA COMPARTILHAR ESTE ARTIGO EM SUA REDE SOCIAL, UTILIZE OS ÍCONES À ESQUERDA DA TELA.

...

SE VOCÊ NÃO ACESSOU NOSSA PÁGINA PRINCIPAL, ESTÁ PERDENDO UM UNIVERSO DE INFORMAÇÕES: OVNIHOJE.COM

...

Outros artigos de interesse:

Cáucaso russo efetua monitoramento de corpos celestes, etc. Cáucaso russo efetua monitoramento de corpos celestes, etc.
Cerejeira espacial floresce quatro anos antes do esperado Cerejeira espacial floresce quatro anos antes do esperado
Caso solucionado: Luzes capturada por câmera de trilha no Mississipi, EUA Caso solucionado: Luzes capturada por câmera de trilha no Mississipi, EUA
OVNI / UFO é filmado na Holanda OVNI / UFO é filmado na Holanda

139 Comentários para "Teria um OVNI / UFO sido destruído durante a Guerra do Golfo?"

  1. Jethro disse:

    Assistam aí meu video sobre a autopsia do et de Roswell e outras coisas…

    • Ricardo Martins disse:

      Acho pouco provável que projéteis balísticos atingiriam uma Ovni, pois, em se tratando de seres tecnologicamente muito mais evoluídos do que nós, teriam condições de se protegerem através de forte campo eletromagnético, além de possuir condições infinitamente maiores de aniquilar qualquer coisa com suas supostas armas ultra-avançadas.

      • Cel.Cético disse:

        Isso é o que os filmes passam para nós, mas nao quer dizer que realmente as coisas sao como nos é mostrado! Essas coisas de campos eletromagnéticos, armas que te desintegram é muito fantasioso, pode ser que exista, mas cá entre nós…

        • Roberfsa disse:

          Cara, porque eu tenho um forte impulso em concordar com seus comentarios?

          • atsbs disse:

            Tambem tive esse impulso kkkk.

            Tem coisas em filmes que são muito fantasiosas ate para aliens, como destruir o universo, acho que o universo e tão complexo que nem eles entende ele todo a ponto de destrui-lo, tem coisas que o cinema inventa que beiram as leias da física, então acho que é mais fantasia que realidade.

          • Cel.Cético disse:

            Eu fico surpreso que alguém neste blog concorde com algo que escrevo…

            Obrigado pelo apoio!

            • Fernando Ramos disse:

              Porquê? Só porque é… céptico?
              São todos bem vindos se o cepticismo respeitar a opinião dos outros. Podemos não acreditar, apresentando os nossos motivos e até defendendo-os, mas se respeitar-mos quem acredita, então teremos uma troca de impressões proveitosa.

        • Ricardo Martins disse:

          Se for pensar assim, então essa papo de extraterrestre e naves tb é muito fantasio, não é mesmo? … e vale lembrar que algumas pessoas que já foram das forças armadas americanas são consultores dos produtores de filmes de ficção científica. Então nem tudo é totalmente fantasia.

          • Cel.Cético disse:

            Vida fora da terra já é tido como regra e eu concordo! Quanto ao suporte de militares serve apenas para dar uma base aos produtores e depois a fantasia são eles quem fazem, agora se você for adepto às conspirações descabíveis que rolam pela net, verá este suporte como uma mensagem subliminar…

            • Sezaru disse:

              Olá Cel.Cético, veja o que o general Twining diz:

              .

              “Ora, quem disse que o governo acoberta tudo? E esses programas de TV, filmes, seriados? Quais as empresas que os produz? Quem são os maiores investidores delas? O governo! O governo esta, aos poucos, acostumando as pessoas da nossa verdadeira realidade. Quando é dito que não se divulga tudo de uma vez, é porque sabemos que haverá pânico. Os mais instruídos poderão lidar com isso, mas e a população menos esclarecida? Diga-me, o que o pessoal do interior do seu país vai pensar se dissermos que seres extraterrestres estão vindo a Terra? Que já houve combate entre nos e eles? Que temos um segredo guardado há anos? A natureza humana é complicada”.

              .

              http://www.ufo.com.br/blog/thiagoticchetti/minha-conversa-com-o-general-twining

              • Cel.Cético disse:

                Este discursso já está velho, quero novidades!

                • Sezaru disse:

                  O discurso realmente está velho, mas é necessário levar em consideração quem falou. Ou você quer desconfiar de general, astronautas e mais outros ?

                  .

                  Vale lembrar que essas pessoas, não recebem dinheiro para ficar falando essas coisas.

                  • Sezaru disse:

                    Falar tais coisas corre o risco de ser ridicularizado, então porque falar tais coisas ?

                    • Fernando Ramos disse:

                      Por todos os motivos e mais alguns.
                      Porque no fim da vida a pessoa sente que já não tem nada a perder e resolver ficar de consciência limpa antes de morrer.
                      Porque andou uma vida a mentir à família e acha que está na hora de contar a verdade.
                      Porque depois de ter dedicado uma vida inteira ao País e às Forças Armadas e sentir que do outro lado não houve um retorno justo ficou farto.
                      Não julgue que por ele ser General que a sua vida era facilitada. Não é fácil engolir e executar ordens com as quais não concordamos mas que jurámos cumprir (em Portugal o Juramento de Bandeira para militares contratados e o Juramento de Fidelidade para militares dos Quadro Permanentes inclui a frase, “Mesmo com o sacrifício da própria vida”…

                      Amigo, há muitos motivos para levar alguém a ter uma atitude destas.

                • Fernando Ramos disse:

                  Se é que a história contada, pelos vistos pelo fantasma dele, é verdadeira…

              • Fernando Ramos disse:

                Sezaru, fui dar uma vista de olhos ao link que aqui colocou e depois fui à procura de saber quem foi o General Nathan Twining.
                Adivinhe(m) o que descobri…

                Descobri que no inicio do texto está escrito o seguinte:
                “Chemult, Oregon, EUA.
                Quarta-feira, dia 6 de Janeiro de 2010”.

                Adivinhem quando morreu o General Nathan Twining?
                29 de Março de 1982.
                Morreu com 84 anos de idade.
                http://en.wikipedia.org/wiki/Nathan_Farragut_Twining

                Fica a questão no ar:
                Deslize da Revista UFO ou premeditação com intuitos financeiros?
                Mais uma vez a Revista UFO brasileira e seu editor, Ademar José Gevaerd em destaque… pela negativa.

                Deixei um comentário na página do artigo que ficou retido (naturalmente) para moderação.
                Mas acho que o comentário não vai ser publicado e que a data vai ser de alguma forma alterada.
                Não faz mal. Já tenho uma cópia da pagina para memória futura…

                • Sezaru disse:

                  Opa, valeu Fernando Ramos! Depois dessa olharei com mais atenção os assuntos da Revista UFO.

                  • Fernando Ramos disse:

                    Sezaru, desde o caso de Riolândia que para mim a revista UFO deixou de constar na minha lista de fontes fiáveis.
                    Desde essa altura que não dou qualquer credibilidade ao que lá se publica.
                    Naturalmente que se publicam casos ocorridos. Mas a minha dúvida está no conteúdo do que é escrito.
                    Até que ponto é que ele corresponde à verdade e não está alterado de forma a potenciar a sua exploração financeira como aconteceu com caso Riolândia?

                    Começo a colocar em causa a veracidade de toda a Operação Prato.
                    Se pesquisarmos, as bases da informação vêm maioritariamente da Revista UFO.
                    Esse caso aparece uma vez por outra com uma revelação nova trazida por essa revista mas se a quisermos ler temos de comprar…
                    O mesmo posso dizer do caso Varginha, também super explorado pela revista.

                    Percebe onde quero chegar?
                    Como disse, não estou a afirmar que esses casos não aconteceram. Apenas me está a parecer que essa revista, por questões de marketing introduziu já neles muita palha e neste momento pode-se já ter tornado complicado distinguir o trigo do joio.

                    Como costumo dizer em relação aos casos conhecidos e depois muito debatidos;
                    “O sumo está nos primeiros relatos testemunhais. Tudo o resto são “achismos” e “suposições” que se transformam em elementos materiais devido à sua inserção na história como dados adquiridos.

                    • Sezaru disse:

                      Pois é, e eu lembrei agora que você já tinha dito no início do ano que a Revista UFO já estava ficando sem credibilidade. Ainda bem que eu atualmente tenho visitado o site raramente.

                      .

                    • Fernando Ramos disse:

                      Sezaru (em resposta ao seu post abaixo por falta de espaço).

                      Não vá apenas pelo que eu digo. Posso estar errado.
                      Faça você as suas verificações e tire as suas conclusões.

            • Sezaru disse:

              Olá Cel.Cético, acabei de fazer um comentário para você. É só esperar sair da moderação.

      • Josemir disse:

        Brother, um campo eletromagnetico apenas interagem com particulas elementares, e ondas eletromagneticas. Seres vivos podem ter suas composiçoes DNA, alteradas é verdade, entretanto, material sem vida e ainda denso como de uma munição naval de algumas dezenas de quilos se comportaria da mesma maneira do que as muniçoes de algumas centenas de gramas das metralhadoras salvo apenas a sua devastadora energia cinética em ação.

    • oiciruam disse:

      http://www.jasabia.com.br/lista-dos-melhores-filmes-de-2013/

      estava eu vendo esse site e no filme 9 achei a foto do filme bem interessante o que vcs acham ???

    • Passageiro33 disse:

      Caro Jethro, vou aproveitar seu post, pra trazer uma notícia relacionada ao que foi publicado.
      .
      Abraços
      .
      .
      Uma guerra naval contra extraterrestres na Antártida?
      .
      novembro 5, 2012guevara20122
      Tradução: Caminho Alternativo
      .
      Continuando na linha de um artigo publicado neste blog: Navios de guerra dos EUA e China se preparam para invasão extraterrestre? , surgem novas versões que afirmam a existência de um conflito em curso entre forças navais terrestres e alienígenas. Crível ou não, a luta estaria ocorrendo em segredo, com muito hermetismo e num cenário inimaginável.
      .
      O ex-contratista do exército americano e cientista John Kettler teria feito uma afirmação polêmica sobre uma crescente guerra de OVNIS (UFO) que estaria ocorrendo na Antártida. O anúncio foi publicado em 26 de outubro passado pelo “Serviço de notícias do Instituto de Exopolítica” (Exopolitics Institute News Service).
      .
      Em seu próprio site chamado “John Kettler investiga”, publicou numerosos artigos sobre a luta da Marinha dos EUA contra extraterrestres hostis que estão submergidos no Pacífico. “A guerra de OVNIs continua se expandindo, com fortes ações no Oceano Antártico segundo fontes altamente sensíveis. Dois submarinos chineses da Armada do Exército de Libertação do Povo, foram impactados juntos, resultando lesões na tripulação, mas não mortos”, escreveu Kettler.
      .
      O informe no site http://www.exopoliticsinstitute.org de John Kettler afirmou também que “20 Ovnis, viajando a 25.000 milhas por hora, deixaram o Oceano Antártico em grupo e voaram a Guadalajara, México. Outro grupo de 15, voando na mesma velocidade, foi para a Argentina”.
      .
      No artigo que escreveu, John Kettler também fez outras afirmações audaciosas sobre as guerras de OVNIS: “A guerra contra os OVNIS se espalhou em todo o Oceano Pacífico!”.
      .
      O artigo estabelecia que: ”A guerra do Pacífico se converteu agora numa guerra de uma coalizão de cinco países do eixo do Pacífico, baseado em fontes supersensíveis. As forças navais envolvidas incluem a Armada dos Estados Unidos (EUA), PLAN (Armada Exército Popular de Libertação Chinês), JMSDF (Força marítima de Autodefesa Japonesa), ROKN (Marinha da República da Coreia do Sul) e ROCN (Armada da República da China/Taiwan).
      .
      No total, ao redor de 200 barcos, incluindo dois grupos de batalha de porta-aviões estadunidenses, muitos elementos de combate de superfície adicionais (fragatas e cruzeiros), numerosos submarinos e navios de abastecimento para manter todos os navios de guerra provisionados, as tripulações alimentadas e a provisão de vários elementos. A guerra contra os OVNIS é um tipo sem precedentes de guerra da coalizão com todas as dores de cabeça e condimentos políticos envolvidos” afirmava John Kettler.
      .
      Porém, nem todo o mundo acredita no que disse John Kettler.
      .
      Segundo o Serviço de notícias do Instituto de Exopolítica: “Existem boas razões para concluir que as afirmações de Kettler sejam parte de uma operação de guerra psicológica que pode estar relacionada com o planejamento de uma falsa bandeira para um evento de contato extraterrestre.”
      .
      Numa sondagem realizada pelo site Current.com, 29% acredita que a notícia informada é somente “bobagens”, enquanto que 25% acredita que a história era um “fato concreto”. Por outro lado, 25% acha a história como uma “possibilidade”, enquanto que 13% escolheu a categoría de “lixo” e 0% a colocou na categoria de notícias “militares”.
      .
      Fonte: ibtimes visto em: ovnisultimahora2
      .
      Comentário do blog:
      .
      Em ambos artigos se percebe que os indivíduos que estão publicando esses artigos sobre uma “guerra contra aliens” ou “invasão extraterrestre” estão profundamente ligados ao governo dos EUA. Não são meros blogueiros, são pessoas ligadas ao lobby militar dos EUA, um é Gordon Duff, o leitor poderá conferir aqui seu curriculo, outro é John Ketler, relacionado com empresas como Raytheon e Boeing. Portanto, o tema só chama a atenção porque no relatório de Iron Montain consta este projeto de falsa “invasão extraterrestre” e agora temos pessoas ligadas ao lobby militar dos EUA ventilando justamente este plano.
      .
      A opinião deste blog permanece a mesma, o lobby sionista/Illuminati planeja uma última cartada para unir a humanidade em torno a um inimigo em comum, uma falsa “invasão extraterrestre”. E é provável que iniciem este plano caso não consigam iniciar uma 3ª Guerra Mundial por meios convencionais, isto é, atacando o Irã.
      .
      Ainda que exista a possibilidade de navios de guerra atirando contra OVNIS, não justificaria uma situação de “conflito”, porque uma força alienígena já teria eliminado qualquer exército terrestre e o fato teria aparecido em algum meio ou na internet.
      .
      Outra hipótese caso existam esses navios de guerra no Pacífico seria a tentativa da elite em afastar os OVNIS da Terra, pois sentem que se a humanidade descobrir a existência de vida alienígena inteligente, o seu império capitalista de exploração humana poderia acabar.
      .
      De qualquer forma, podemos notar que o tão esperado desacobertamento sobre os extraterrestres pode estar próximo, só não se sabe de que forma isto ocorrerá.

  2. AAMR disse:

    Minha nossa eu é que não queria ficar pairando na frente de um canhão de 16″. Pra quem não sabe 16 polegadas é mais de 40 centímetros.

    • Blaze disse:

      Os do Yamato (Couraçado Japones da 2º guerra) eram de 18″. ^^ 6 na frente (divididos em duas torres) mais três atras, fora os armamentos secundarios. Isso na decada de 40, não é a toa que os EUA nunca mandaram um Classe Yowa dar de frente com ele. =)
      Abraços!!

  3. lucky disse:

    Isto está parecendo tipico roteiro hollywoodiano, o mais fraco ganhando do mais forte. Os EUA salvando o mundo mais uma vez, e por aí vai.

    • AAMR disse:

      É verdade !
      Só que eles só salvam o mundo deles mesmo.
      Não sei em que mundo que eles vivem.

    • Pi disse:

      Típico roteiro de filme classe C produzido em Hollywood nos anos 60, onde o mocinho bem barbeado nem desmancha o topete do cabelo (era moda) nas cenas de ação. Isso tudo porque o som produzido pelo OVNI estava incomodando a tripulação da esquadra do Tio Sam.

  4. clark disse:

    o ovni ficou ketin pairando recebendo toda descarga da muniçao ah ta …

  5. isso parece fantasia mesmo, una nave alienigena se suicidando ? kkkkkk, parece fime de hollywood. , fake.

  6. Marujo disse:

    O Wiki diz que o filme “Battleship” (2011) foi inspirado no antigo jogo de tabuleiro “Batalha Naval”. Será?

  7. Paula Loredana disse:

    Um ovet reptiliano deu esse mole de ficar na frente da metralha? Dos canhões? De mísseis???? Ora ora quem diria!!!kkkk!!!
    Ou é mentira da braba, ou eles vacilaram mesmo, ou a defesa deles travou na hora! Pq baseando na idéia de que os Reptóides são os bambambans, esse caso não faz sentido! Mas se for verdade mesmo então significa que eles também falham feio!…
    Mas a respeito de guerras/batalhas alienigenas X humanos não duvido que já não tenha havido, que há e que talvez haverá pois nós não sabemos da, digamos, razões deles!
    A vida ensina que nenhuma hipótese pode ser descartada!

  8. Joel disse:

    Nois temos tecnologia suficiente para acabar com o planeta terra em 1 dia, e temos sim capacidade de destruir ets. Não é atoa que eles nunca fizeram contato direto, eles conhecem seus limites.

    • Alesssandro disse:

      Aí que reside o problema, nossa civilização é muito hostil e guerreira, por isso para o nosso bem também eles não fazem contato direto. O Ser humano tem essa tendência de querer destruir o que é desconhecido e pode representar uma ameaça…

  9. Maneco disse:

    Ainda prefiro aquela historia da perseguição aos nasistas até a Antartica no final da segunda grande guerra, onde teriam infrentado um forte aparato alienigena.

  10. alien disse:

    Com todo respeito às pessoas que creêm nessas estórias,não dá pra perdoar.É inimaginável pra mim os humanos entrando em batalhas com ufos vindos possivelmente de outras estrelas e ganhando-as!O natal se aproxima,papai noel vem vindo aí…

    • Alesssandro disse:

      Se os vietnamitas venceram os eua, porque não? Mas continuo achando que se é que existem, essas civilizações não são hostis.

      • Fernando Ramos disse:

        Alesssandro, geralmente a força de guerrilha acaba sempre por vencer o atacante.
        A Guerra da Independencia Americana, Guerra do Vietname, Guerra do Ultramar português, Guerra do Afeganistão (invasão Russa), Guerra do Afeganistão (Invasão Americana – Operação Enduring Freedom), Guerra do Iraque (Desert Storm), , a 2ª Guerra do Golfo (Operation Iraqi Freedom) que mais não é do que a continuação da 1ª Guerra do Iraque.

        Só para falar das mais conhecidas.
        Ou seja, uma força mais fraca consegue derrotar uma força mais forte através dos parcos meios que possui.

    • Fernando Ramos disse:

      Disse bem. Inimaginável para si.
      Tudo depende sempre do nosso ponto de vista tendo em conta o tipo de informação que temos.
      Quanto a mim, e do que já li, não acho assim tão estranho se pensarmos que toda a envolvência Humana com seres de outros planetas no campo da entreajuda pode ter resultado na cedência de tecnologia e armamento para um fim comum, a defesa e ataque de raças tidas como agressivas quer para nós, quer para quem nos oferece a ajuda.

      Claro eu posso estar a acreditar em algo que não existe.
      Tenho sempre esse facto em linha de conta pelo que não coloco as minhas mãos no fogo por ele.

  11. Dan - (H) disse:

    Esta história de “ovnis no oriente médio” não é de hoje. Ainda me lembro de um dia a uns 2 anos atrás, em uma conversa que tive com uma pessoa que conheci pela “net”, onde ela afirmava categoricamente que a guerra do kwait/iraque, foi uma disputa por tecnologia “extraterrestre”, segundo esta pessoa, uma nave “et” que parecia estar com problemas invadiu o espaço aéreo iraquiano e seguiu em direção ao kwait, vindo a cair em terras “kwaitianas”. O iraque, vendo a possibilidade de adquirir um “disco” para “pesquisa”, teria invadido o kwait com esta finalidade, e o “tio sam” como sempre, não deixaria barato, não permitiria que um país como o iraque pudesse ter acesso a este tipo de tecnologia.
    Verdade ou não, provavelmente nunca saberemos…

  12. Blaze disse:

    Bom, uma coisa é certa, canhões como estes são capazes de rasgar qualquer metal conhecido e a capacidade explosiva dos mesmos causa uma destruição ainda maior. Porem alem do fato de que acertar um alvo a grande distância com este tipo de armamento não é simples e nem é uma ação rápida, portanto o suposto OVNI teria que ter ficado praticamente imóvel por vários segundos, e o controle de fogo teria que ter sido excepcional para tal feito na 1ª salva; tambem existe o fator “tecnologia Alienigena”, se este objeto voador foi destruido tão “facilmente” eles não são tão poderosos assim, afinal apesar de ser um dos canhões mais poderosos já feitos ainda são um tipo de armamento não só convencional como até mesmo antiquado.
    Dificil acreditar nesta história, porem se ela for real ou foi uma sorte tremenda dos Americanos ou a tecnologia bélica destes “Alienigenas” não é tão avançada assim.
    Abraços!!

    • Dan - (H) disse:

      Você esqueceu da terceira vertente Blaze, poderia ser uma “isca”, um “drone et”, talvez o objetivo fosse testar a tecnologia do navio. ( logicamente se considerado o fato e a informação como real).

      • clark disse:

        eh talvez tenha sido um teste mesmo com uma nave descartavel pq com tal tecnologia q imagino ter sobrado pequenos padacos

        • clark disse:

          explicando a falta de ponto virgula e acento em meus posts]
          eh devido uso de config de tecldo e idioma estrangeiro

          • henderyck dart disse:

            Existe uma alternativa também da nave ser de reconhecimento/paz, e por isto não estar armada.http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_rose.gif

      • Fernando Ramos disse:

        Dan, há outras formas de saber as reacções dos outros.
        Podemos fazê-lo analisando a forma com o nosso adversário age em relação aos outros, a sua agressividade, o tipo de armamento e tecnologia que tem, etc.
        Isso que refere, em termos militares chama-se “reconhecimento pelo fogo” ou seja, provoca-se o adversário e fica-se a ver a sua reacção e os meios que emprega para o ataque/defesa. A partir daí sabe-se que tipo de armamento possui, as posições desse armamento, a forma de ataque/defesa, etc.
        Esta é também a forma mais básica de conhecer o adversário que temos pela frente e é também a forma mais básica que as Unidades de baixo escalão (desde a Secção à Companhia) têm ao seu dispor sem desperdiçar muitos recursos.

      • Blaze disse:

        Muito bem colocado Dan, desta forma seria mais facil explicar como o suposto OVNI teria sido acertado tão facilmente, pois era para ele ser acertado.
        Abraços!!

  13. Jacq Mat disse:

    Ontem aqui em POA/RS a lua estava incrível. Um ‘planeta’ ou estrela q não brilhava (parecia ter uma textura fosca, estavam ão proximos. Parecia q a lua tinha ‘uma lua’. Oq era aquilo?

  14. Paula Loredana disse:

    Jacq Mat também gostaria de saber o que era aquilo ao lado da Lua… O Sol tem um Sol, que muitos dizem ser Lens Flare (reflexo) mas… seria aquilo um Nibiru pra Lua??? Eita… Aí não vai dar pra afirmar que é só um reflexo não!!
    Pode ser talvez, não sei, que a transição planetária esteja revelando outras estrelas e planetas que antes não podiam ser vistas! Ou então, seria uma nave estacionária?
    É bom observar!…

  15. joseafonso disse:

    O que mais me intriga é que nunca encontra nenhuma lasquinha para pesquisa.

  16. Nilton disse:

    Bom dia,Domingo de manha e mentira deste …………………………………….tamanho e dificil de acreditar conta outra porque os americanos sao bons de guerra no cinema abracos..

  17. Rafael Rosa disse:

    Aconselho-vos a ler a história de ficcão porém muito próxima da realidade do jogo Halo (Bungie/Microsoft) onde conta a história da humanidade ter criado a UNSC (united nations space command) que trava uma guerra contra alieníginas reptilianos dentre outros com material bélico disponível como o que nós temos hoje. Ao pensar bem o descrito não é impossível. Drone ou não, podemos sim ter abatido vàrias naves assim como podemos ser abatidos ao adentrar outros planetas (vide historia do jogo). Não é porque é uma nave de fora que seus tripulantes devam ser mais ou menos responsáveis, podem sim ter feito a cagada de enfrentar o couracado, o que foi péssima idéia. Somos muito mais hostis do que eles, pensem nisso.

  18. joseafonso disse:

    Se eles tem tecnologia pra vim de um planeta distante! Como é que eles vão deixar serem abatidos por umas bombinhas terraqueas que se comparadas as deles não passa de trak?

  19. Jacquie 5-0 disse:

    Já pensou se o OVNIHoje é monitorado?
    Eu não me importo.

  20. Meson disse:

    Ridículo! Por causa de estórias como essa que o tema ovni é ridicularizado!

  21. Mohrphaeus disse:

    tsk tsk…. Tanta coisa acontecendo seria e a boataria distraindo.

  22. ademar disse:

    vcs estão de brincadàdeira pura m. de papo furado, se, isso tivesse acontecido teria sido captado por satélites, radares, e ao menos teríamos fotos dos destroços, todo mundo tem a m. de um celular com câmera e acesso à internet.

    • vulgo07 disse:

      …pois é…porque os militares não pegaram seus iphones….

    • Blaze disse:

      Não afirmando que o fato tenha sido real, apenas lhe demonstrando que você deixou passar uma singela informação. Data do suposto combate: 24 de janeiro de 1991.
      Abraços!!

  23. joseafonso disse:

    Imagina nave alienigena sendo abatida por tiros de canhão! Vcs tão de brincadeira. Fala serio. Vcs me mata de vergonha desse jeito.

    • Blaze disse:

      Supostamente um OVNI foi abatido na Russia por um Missil Ar/Ar se não me engano disparado por um MIG 21 entre 50 e 60. Nunca subestime seu inimigo, mas tambem não subestime a si mesmo. A possibilidade e extremamente improvável porem não creio que seja impossivel.
      Abraços!!

  24. Bruno disse:

    Por que falam tanto “estadunidensse” ? não e mais facil de ler só “americano” ou “norte americado”?

    • Lua Pequena disse:

      Bom dia Bruno! Deve ser para enfatizar o país aonde a pessoa nasceu ou onde ocorreu o fato,pois americanos são todos os que nasceram em qualquer dos países que fazem parte das três Américas e norte americano são todos os que nasceram no Canadá, nos EUA e inclusive,para os que ignoram o fato ,também no MÉXICO. As pessoas não costumam incluí-lohttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_mail.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_yes.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_good.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_bye.gif, pois sendo este parte da América Latina é meio que posto de lado quando se fala em norte-americanos.Um grande abraço.Espero ter tirado alguma das suas dúvidas.

  25. Ochneto disse:

    Opinião de um leigo a respeito do tópico:

    A no minimo 20 anos os EUA estão engajados em Invadir/Destruir/Manipular/Controlar países do oriente médio, utilizando-se dos mais variados artifícios, que vão desde armas químicas até o alegado enriquecimento de urânio. É fato e não podemos negar que os EUA possuem uma rede de informação/desinformação meticulosamente alicerçada ao redor do mundo através de suas agências secretas como a CIA e tantas outras que sequer sabemos o nome. É fato igualmente destacado que o principal ingrediente do PIB americano a muitos anos é a produção de armamento bélico. Também é fato, que muitas das guerras civis e das revoltas de rebeldes revolucionários nestes mesmos países, somente tornam-se possíveis com o incremento de armamento. E por último, dentro dos EUA a pressão populacional em relação a guerras e invasões a outros potenciais países perigosos ao mundo é enorme, é so olharmos a recente historia americana, (Vietnã, Afeganistão, Iraque) praticamente todo o confronto armado no oriente médio pode ter creditada alguma influência e/ou participação americana.
    Pois bem, todos sabemos que este solo que está incansávelmente sendo palco destes conflitos, nada mais é do que O MAIOR SÍTIO ARQUEOLÓGICO existente em nosso planeta e que pode sem nenhuma dúvida, responder muitas, senão todas as questões que envolvem nossa origem, nosso propósito aqui na terra e nosso destino.
    Não há dúvidas que o interesse americano a tempos deixou de ser o petróleo, mas eu permaneço com outra dúvida…
    Será que os EUA (bad guys) não teriam se deparado com os verdadeiros guardiões (good guys) dos segredos que eles (americanos) estão se esforçando tanto para dominar???
    Se a noticia tiver um pequeno fundo de veracidade, fico eu ainda mais apreensivo, pois tendo a premissa de que pode estar acontecendo uma guerra entre Et’s x “humanos”… Muitos inocentes sofreriam as consequências, além daqueles que ja sofreram e os que ainda sofrem com a violência de uma guerra.
    Torço para que tenhamos um final de 2012 pacífico e bem diferente dos finais apocalípticos imaginados por muitos até agora.

    VERITAS LIBERA BIT VOS

    • Rafael Rosa disse:

      Concordo, por que não? A história se repete em filmes e livros, um bem parecido com o que dissestes é “The Objective” onde conta um dos reais motivos da guerra no afeganistão.

  26. SÉRTIKO disse:

    so quem esta fora do ambito real dos ovnis pode acreditar em tamanha mentira, eu fico pensando por que isso, é como se os homens da caverna abatecem um caça moderno com um arco e flecha, que piada.

  27. bnch disse:

    Essa estória (não história, pois não é real, é inventada) foi tirada do filme Battle Ship (Batalha dos Mares). Até o ataque com som ensurdecedor tem no filme.

  28. 666Dark disse:

    O que aconteceu foi o seguinte: Os ETs para dar moral aos americanos, projetaram um holograma de um UFO e quando foi “atacado”, eles projetaram uma explosão do mesmo e por isso não sobrou nada.O resto é estorinha prá boi dormir.http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_yahoo.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_negative.gif

  29. Fernando Ramos disse:

    Permitam-me uma análise aos dados que são apresentados no texto acima:

    1 – Antes de mais, o autor da notícia, John Kettler, diz ser um antigo militar analista de defesa que se tornou um escritor de investigação que cobre assuntos como OVNIs, projectos secretos (Back Projects), tecnologia exótica, ciência alternativa, História escondida e… etc.

    2 – Segundo o meu ponto de vista, as peças de artilharia dos navios (canhões) não têm elevação suficiente para apontarem para um alvo que esteja sobre eles.
    Estamos a falar não de armamento de pequeno calibre até aos 40 ou 50 mm mas sim de armamento de cerca de 120mm (5’’) e de 400mm (16’’).
    No entanto, usando a trigonometria, fiz um cálculo sobre a distância mínima a que um navio deveria estar do objecto para poder acertar no objecto estando ele a 600m de altura.
    Para uma elevação de 50º (as peças de artilharia naval não devem ter muito mais elevação do que esta) os navios tinham de estar a mais de 500 m da vertical do objecto.
    Para uma elevação de 45º (elevação que confere a um projéctil o maior alcance possível) eles deveriam de estar a mais de 600m.

    3 – Por outro lado, embora possa não parecer, uma peça de artilharia naval não é uma arma para fazer tiro de precisão mas sim tiro de zona (como toda a artilharia)… a não ser que o objecto fosse das dimensões de um navio de guerra. Mesmo assim hoje em dia já não se usam pelas de artilharia naval para destruir outros navios. Para isso existem os mísseis.

    4 – Achei também curioso o facto de não ter sido ordenado o disparo de um sistema de armas muito mais fiável, os mísseis. Se o alvo estava estacionário sobre eles, o míssil seria a arma que mais garantia daria para acertar no objecto. Claro que alguns vão alegar que os tripulantes do objecto interfeririam na trajectória do míssil. Aceito. Mas mesmo assim, eu como comandante daria essa ordem. Nunca se sabe.
    Julgo que o disparo de mísseis iria, isso sim, galvanizar a moral dos marinheiros para o combate.

    5 – Porque é que ele não falou nos aviões?
    Hoje em dia qualquer esquadra tem um porta-aviões na sua constituição. Principalmente uma que tinha como missão o ataque a um país. Aliás, o porta-aviões é a peça mais importante da esquadra. Todos os navios que constituem essa esquadra são navios de apoio e protecção ao porta-aviões.

    6 – Diz John Kettler que a nave era réptiliana.
    Para quando uma publicação onde possamos diferenciar e relacionar os diferentes tipos de naves que cruzam os nossos céus com a origem dos seus tripulantes?
    Como é que uma raça dita superior a nós vai colocar em risco a sua nave expondo-se e oferecendo-se aos Humanos para serem destruídos? Não estará esta história MUITO mal contada? Será que este senhor é assim tão expert em questões militares?

    7 – Das duas uma. Ou durante os 20 minutos de disparos que durou o ataque terrestre nenhuma munição atingiu o alvo (que zarolhos que eles eram e que fracotes os computadores de cálculo de tiro eram) ou os réptilianos desligaram o “escudo de segurança” permitindo que uma simples e arcaica munição terrestre destruísse um veículo altamente tecnológico, preparado para enfrentar viagens interestelares.

    De qualquer forma enviei um mail ao senhor. Vamos ver o que ele reponde (se é que responde).

    MAIL:
    Olá. Gostaria de saber como (e não quem) o senhor tem acesso tão detalhado às informações sobre esta guerra.
    Confesso que estou muito curioso.

    Porque é que informação não é do conhecimento de outras tripulações da marinha mercante?

    Acho estranho que de entre milhares de marinheiros da marinha de diferentes países nem um só veio a público para contar o que aconteceu.
    Claro que podemos dizer que lhes foi exigido segredo sob ameaça de morte, mas mesmo assim…

    Bom, agora resta-nos esperar e aproveitar para ouvir a entrevista dele de 3 horas ao Projecto Camelot.

    • ams disse:

      Como eu leio de baixo para cima…
      É isso aí.

    • FacePalm disse:

      Melhor se tivesse enviado os itens de enumerados. Basta ele responder: que o militar teme por sua vida, que é sigiloso, etc,

      • Fernando Ramos disse:

        Caro FacePalm, o senhor apresenta aquilo que tem a dizer da forma que acha ser a melhor para explicar o seu ponto de vista.
        Eu prefiro apresentar as coisas ordenadas e bem explicadas para que não hajam muitas questões por dificuldade de compreensão da ideia transmitida.

        Tomemos como exemplo o seu post:
        A língua portuguesa é composta de elementos gramaticais que se não estiverem presentes na escrita tornam a leitura difícil e por vezes incompreensível.
        Verbos, sujeitos, adjectivos, sinais de pontuação e algumas regras gramaticais também como conjugações verbais, tempos verbais de acordo com os nomes e pronomes, etc.

        Como vê… às vezes é bom nem tocar em alguns assuntos não se dê o caso de termos telhados de vidro…

  30. Marcelo Forest disse:

    Camaradas, acho que devemos dar um voto de confiança ao texto narrado, pois sabemos que os EUA, “USA”, apesar de eu ter um sentimento anti-americano, buscam de toda a forma provocar contatos, para que eles possam usufruir das tecnologias, através da tecnologia reversa.

    Outro ponto interessante ninguém percebeu! O OVNI ou OSNI como queiram pairou na frente do Canhões 16″ Mark 50 do U.S.S. Wisconsin, porque estava usando uma arma sonora ou psico-sônica e quando eles perceberam que as metralhadoras não surtiram efeito presumiram que estavam em vantagem, até serem bombardeados por Canhões 16″ Mark 50.

    • Fernando Ramos disse:

      Não concordo.
      O Sr. está a abordar dois aspectos completamente diferentes.
      Um tem a ver com a tecnologia que nos é escondida mas que sabemos existir através de testemunhos mais credíveis que este senhor e outro tem a ver com um testemunho que apresenta falhas técnicas grosseiras (a meu ver).
      Essas falhas estão expostas nos meus 7 pontos acima.

      Como não costumo escrever (dar a minha opinião) sem antes fazer uma pequena pesquisa sobre o assunto ou individuo, fui à procura e constatei que quem já ouviu a entrevista de 3 horas que ele deu, ele junta nessa entrevista um pouco daquilo que todos nós, melhor ou pior, já conhecemos com a agravante de chamar a si esses factos.
      Ele diz-se contactado e é esse seu contacto uma das fontes de informação.

      Outro motivo pelo qual não concordo com o Sr. é porque não devemos aceitar como verdadeiro aquilo que nos dizem. Ouvir, ponderar, analisar a testemunha quanto à sua credibilidade já que a forma de falar, postura e fluência de discurso dizem muito quanto à sua segurança e conhecimento do tema or parte de quem está a falar.

      Bob Lazar, que muitos dizem ser mentiroso, quanto a mim fala verdade. Uma das evidências disso é que na altura em que ele fez as revelações a sua vida académica e bancária sofreu um blackout.
      Perderam-se dados sobre a sua vida académica, os colegas de profissão afastaram-se dele, teve problemas com os bancos, etc.

      Quem aparece com uma história extraordinária e fica ofendido por ser investigado e por não se dar crédito imediato então é porque há algo que não bate certo.

      Na segunda parte do seu texto o senhor diz que o OVNI pairou à frente dos canhões. Onde é que o senhor leu isso?

      Outro facto é que eles não usaram apenas as metralhadoras (armas anti-aéreas, presumo) eles usaram o armamento disponível.
      Desde quando uma força tecnicamente superior entra numa combate sem conhecer o material que o oponente tem? Acha mesmo que seres com o avanço tecnológico daqueles ia enfrentar a frota sem ter conhecimento do tipo de armamento que os navios tinham?
      Até hoje sempre lemos relatos de ataques a OVNIs por parte de aviões e de sistemas de defesa de bases militares que foram simplesmente desactivados. Porque é que “eles” não desactivaram os sistemas de armas da esquadra?

      Já agora, no site do senhor que conta isto, estão à venda livros escrito em PDF por ele. Basta pagar cerca de $9,95 para ter os livros.
      Interessante, não? Para quem quer dar a conhecer ao mundo o que se passa…

  31. van magnani disse:

    é por isso que não se pode contar nada…tudo é elevado ao ridículo. Inclusive isso é um dos pontos cruciais que fazem muitas das histórias ficarem incógnitas para o público, as pessoas tem medo de cair no ridículo. Muitos comentários que eu li aqui não tem propósito nenhum de contribuição, apenas de denegrir a notícia. É dessa forma mesmo que a mídia ensina…teve muita gente que aprendeu direitinho rsrsrs…

    • vulgo07 disse:

      …concordo que não é necessário debochar…mas essa história é mais que duvidosa, não acha ?

      • van magnani disse:

        pode ser duvidosa, pode ser falsa, mas pode ser verdadeira…e dai…pode ser que ela tenha acontecido, mas não dessa forma, pode ser que o relato seja só uma peça do quebra-cabeça…nada vem inteiro hoje em dia

        • vulgo07 disse:

          …pode ser o que a gente queira que seja, não é ?…acontece muito nas religiões…creia e não faça perguntas…

      • van magnani disse:

        pode ser duvidosa, pode ser falsa, mas pode ser verdadeira…e dai…pode ser que ela tenha acontecido, mas não dessa forma, pode ser que o relato seja só uma peça do quebra-cabeça…nada vem inteiro hoje em dia

        • ams disse:

          Me lembrei daquela música do Tim Maia:
          Pode o que quiser, pode o que vier…

          http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_scratch.gif

        • vulgo07 disse:

          …pois é…me precipitei…não é justo descartar tudo por causa de uma peça do relato que parece não fazer sentido…
          .
          …erro meu, desculpe…

    • Fernando Ramos disse:

      Van Magnani, não podemos deixar de colocar em causa, de investigar, e até de ridicularizar alguns casos e mesmo pessoas apenas porque depois vai haver outras que não vai contar a sua história

      Quem está por bem, sabe ao que vem e por isso segue em frente.
      Imagine o que seria desta área sem toda a gente aceitasse como verdadeiro algo que lhe era contado.
      Imagina o caos de informação que era?

      Por outro lado é bom dissuadir quem quer brincar connosco.
      Como referi acima, há que ter metodologia na abordagem de um testemunho e quando a mim essa abordagem é a de desconfiança até prova CONCRETA em contrário.

      Devemos filtrar logo de inicio e questionar, mesmo se as questões forem incómodas, tudo aquilo que nos parecer mal explicado.
      Claro que aqui a sensibilidade e conhecimentos de quem ouve têm um papel predominante.

      • van magnani disse:

        Fernando não falei de você…achei o sei comentário muito pertinente…o que eu acho é que todos os comentários deveriam ser como o seu…e não simplesmente “é mentira”, “é ridículo”… mesmo porque muitas histórias nos são contadas pela metade…hoje em dia você tem que ficar caçando as peças do quebra cabeça…nenhuma história vem pronta…por exemplo, outro dia foi relatado por uma mídia do exercito dos Estados Unidos que frotas de navios de guerra dos EUA e China estavam no pacífico em operação de combate contra uma “ameaça hostil extra-terrestre” . Acho pertinente não descartar as notícias só porque elas não fazem sentido. Muita coisa não faz sentido hoje em dia.

        • van magnani disse:

          Desculpe não terminei o comentário, tive que dar uma saída…Como vocês podem ver no site do John, que é a fonte da notícia, existe uma gama de notícias relacionadas às forças armadas americanas e os UFOs.
          Pelo que eu pesquisei, John é um cara que trabalhou em programas espaciais de alto nível de segurança e tem relações intimas com pessoas com altas patentes, porém, mantem suas fontes omitidas por questões lógicas. Não afasto a possibilidade deste tal de John estar sendo utilizado como joguete de desinformação…As últimas notícias do site dele dizem respeito à guera que está sendo travada contra UFOs no Pacífico e na Antartida, fato também publicado pelo blog da Kerry do projeto Camelot. Acho que é de conhecimento de todos que a agenda prevê uma guerra false-flag contra extra-terrestre, logo, pessoas que divulgam essas notícias em primeira mão, podem sim estar comprometidas mas não é possível generalizar. Logo, dizer se a notícia é falsa ou verdadeira acho que ninguém aqui pode, porque não possuem fontes internas para desmenti-la. O que se pode é nega-la ou aceitá-la ou pesquisá-la. Eu particularmente antes de qualquer sim ou não prefiro pesquisar.

        • vulgo07 disse:

          …agora concordei contigo….

        • Fernando Ramos disse:

          Não é a história que não faz sentido. São os dados materiais e técnicos que constam nela que não batem com a realidade.

          Há muitas outras histórias que não fazem sentido, como as bases na Lua e em Marte e o facto de estarmos em Marte desde os anos 60 e eu acredito nelas.

          • van magnani disse:

            Sim, a história realmente não faz sentido, eu concordo com você, mas o que podemos tirar dela? você já pensou nisso? quando essas histórias aparecem eu pergunto porque? O que tem a história de verdadeira? o que tem de falsa? É um jogo. A técnica de divulgação sempre foi misturar uma história real com informações falsas, ou uma história falsa com alguma informação real. Assim ela sempre terá um ponto falho que permite a ridicularização. Por isso que eu falo que é um quebra cabeças.

      • ams disse:

        Caro sr. Fernado Ramos.
        Aproveitando-me da sua prudente observação, pergunto: a certa altura o missivista nos diz que “O OVNI, agora confirmado como sendo de fontes reptilianas, ficou cara a cara com o mais recente armamento naval…”?
        Eu não entendi se o redator quer nos afirmar que os aliens são idiotas ou que idiotas são os seus leitores. Se os supostos aliens tivessem alguma duvida sobre os “poderosos” armamentos a bordo ficariam a cara a cara com os sujeitos…
        Outra coisa: Duas torres de canhões dispararam seis balas devastadoras, das quais duas atingiram o alvo, penetrando profundamente o OVNI, e então detonando o objeto em pedaços tão pequenos, que até hoje nenhuma missão de recuperação de destroços foi organizada…
        Que ótimo para quem redige. Explodiu, sumiu, ninguém vê, ninguém viu.
        Os ovnis foram confirmados com sendo de reptoides…?
        Por favor, me diga se estou sendo cético demais.
        Obrigado

    • Paulo disse:

      O ridiculo não precisa de ajuda para ser ridiculo.

  32. Paulo disse:

    Impressionante!Além de lutarem contra o terceiro mundo, eles também lutam contra seres de tecnologia superior?Melhor que em Hollywood…

    • paulo disse:

      LOL a imaginação humana tem destas coisas, mas é bom (para eu me rir) começa a frequentar este blog e verá que hollywood é para meninas! SEM QUERER OFENDER O BLOG POIS ACHO-O MUITO BOM E DOU OS PARABÉNS AO n3m3 por isso, estou me a referir aos comentarios super transcendentes e de uma mega imaginação!

  33. Lua Pequena disse:

    Boa noite a todos do blog! Me bateu uma ideia agora. Já pararam pra pensar que se essa nave era dos reptóides,como alguns alegam,quem sabe ela tenha sido abatida ,justamente por ser dirigida por esse ets? Afinal,não são esses serem os que andam de mãos dadas com os EUA,fazendo todo o tipo de experiências? Esses alienígenas podem muito bem terem pensado que estavam na frente de fogo amigo e acabaram sendo traídos.Por isso, não tiveram tempo de se defender,pois não esperavam pelo ataque de seus aliados.Posso estar sonhando com borboletas ou a minha imaginação está ficando cada vez melhor.Abraços a todos.http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_wacko.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_cool.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_whistle3.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_yahoo.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_mail.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_wink.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_good.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_bye.gif

  34. ams disse:

    Olá pessoal,

    Como faço habitualmente, vou dar a minha “abalizada” opinião e depois vou “descer” as letrinhas:
    Vou resumir nessa frase essa historinha marciana: É ruim, hein?!
    Essa “batalha” não foi filmada, centenas de homens envolvidos vão guardar “esse segredo” até depois da morte e “as fontes” vão continuar jorrando porcarias na Internet.
    Eu também lamento. Sempre.
    Boa semana pra todos!

  35. FacePalm disse:

    O povo parece que conhece mais as raças de ETs que o aniversário dos pais… É tão senso comum assim estas raças? Há algum lugar (sério) que informe quais são estas raças conhecidas? Reptilianos, greys, … não esqueçam dos Zergs e dos Protoss.

    • Lua Pequena disse:

      Bom dia Face! Quem são esses zergs e protoss? Eu nunca ouvi falar! Abraços;http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_mail.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_wacko.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_scratch.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_unsure.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_bye.gif

      • Fernando Ramos disse:

        Lua Pequena, como ele não diz, eu fui à procura (também fiquei curioso).
        Parece que os Zergs e Protoss são personagens dos jogos e filme StarCraft.

        • Lua Pequena disse:

          Boa noite Fernando Ramos!Muito obrigado pela gentileza .Eu realmente,nunca ouvi falar nesses carinhas citados pelo Face.Ele deve ser adepto de jogos eletrônicos.Eu já não peguei essa época.Devo ser um pouquiiiiiiiiiiiiiinho mais velha que ele.Grata! Grande abraço!

          Saudações lusitanas!http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_scratch.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_yes.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_rose.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_good.gifhttp://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_bye.gif

    • Fernando Ramos disse:

      Há.
      Em 1989 foram catalogadas 57 raças de Ets pelo senhor que está a falar no vídeo abaixo.
      Ele foi Sargento e trabalhou nessa catalogação para o Exercito Norte-Americano.
      http://www.youtube.com/watch?v=_9VCveIOQA8

      Tem ainda como fonte Alex Collier, para o caso de querer saber mais.

  36. Paula Loredana disse:

    TIO LINDÃO SUMIDO!!!!!! Que saudade de vc!!!! Tão bom te ver aqui de novo!!! Vê se não some!!!!! Beijos da sobrinha!!!!!

  37. Paula Loredana disse:

    Olá Francis!! Infelizmente não consegui ver o vídeo mas mesmo assim, valeu pelo link!!

  38. adotta disse:

    Se os EUA receberam informações de ET´s ou trocaram informações com eles como sempre é dicutido aqui com certeza muitas armas foram desenvolvidas para contra atacar um OVNI ainda mais sendo reptiliano pois pelo que lí os tais repteis são uma espécie de escória dos ET´s e combatidos pelo resto da raça Alien.. Lembro que lí aqui que a tempos atrás uma base inteira dos reptilianos fora atacada e destruida por ser considerada pelos demais como uma ameaça. Verdade ou não eu acho essa história muito mas muito mal contada..

  39. marcelo silva RJ disse:

    bom a principio a nava tava submersa, e saiu devido ao sonar de busca do navio . ( pelo o que sabemos eles jamais iriao aparecer em plena luz do dia , principalmente contra um navio de querra ) talvez o sonar devia estar de alguma forma interfirindo na nave causando algum tipo de travamento , seja ele funcional ou operacional , que ao me ver a oportunidade vez com que eles acertacem a nave , pois sendo de uma tecnoçogia mais avançadas , eles deve ter seu calcanhar de akiles.como todos as naves de guerra que nois temos , sempre tem seu limite e falhas. poderia o sonar estar numa frequencia , perto da frequencia telepatica que estaria causando algum tipo de disturbio que o mantivese submerso , ou talvez pensarao que nois tivesemos testando algum tipo de arma e e agirao como contra ataque a fim de destruir essa arma ??? fica ai minha opiniao vlw……………..

  40. marcelo silva RJ disse:

    para complementar , as naves que cairao em nosso planeta forao tidas como abatidas pelas tempestades , colisoes, ou por problemas funcionais ( tao como suporte de vida ) tendo eles tecnologias avançadas nao que dizer que tenhao falhas , entao por que diabos eles iriao querer uma base na lua ,so por diversao . bom todo criador tem como seguinte regra, contruir , seja uma nave, manutençao e troca de peças , desgaste naturais ( pelo tempo de uso ) e alem do mais pilotos com treinamento . como nossos astronaltas ( deve ser muito rigoroso) isso leva a crer que tudo e posivel mesmo nao sendo do nosso planeta , mesmo nao tendo a mesma tecnologia , somos uma raça inteligente , chegamos muito longe e estamos mais perto deles do que nunca. e so questao de tempo . fuiiiiiiiiiiiiiiiii vlw

  41. Hannah disse:

    A única coisa em que acredito quanto à intervenção de ETs relativo a armamentos é quando a coisa fica perigosa demais para o PLANETA, ou pra cima deles próprios [ETs]. Essa coisa de “ETs guerreando com humanos” em minha opinião é uma das maiores mentiras (a das mais ridículas, diga-se de passagem). Se quisessem acabavam conosco com a maior facilidade!
    .

    Lembrem-se que a possibilidade da ameaça do “ataque de falsa bandeira” [Teoria da Conspiração] baseia-se em implantarem nas pessoas a idéia dos “alienígenas inimigos da humanidade”. A propósito, alguém ainda acredita em “divulgação de segredos militares e de governo”?! O que é segredo não é divulgado NUNCA! http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_sad.gif

    • Fernando Ramos disse:

      Hannah, e se nós não estamos sozinhos nessa guerra?
      E se de alguma forma fazemos parte de uma aliança que nos prepara, fornece armas e formação?
      E se a outra parte nos protege de sermos aniquilados?

      Quanto aos segredos, por muito secretos que eles sejam os segredos são confiados a Homens. Esses Homens têm fraquezas, desilusões, etc. Por vezes de tal forma que não têm nada mais a perder na vida e… falam.
      Acredito que a nível material, as tão esperadas e reclamadas provas materiais (fotos, filmes, desenhos esquemáticos, seres, etc) nunca irão aparecer devido ao sistema de segurança instalado, mas ninguém consegue calar um Homem a não ser com a morte (e não me falem em manipulação cerebral através de hipnose. às vezes isso corre mal. Que o diga Robert Duncan O’Finioan… Abri-lhes o apetite?
      Por exemplo, na Base Dulce, a pessoa que entra nas instalações, despe-se completamente, é pesada à grama, e é-lhe dada roupa para trabalhar dentro das instalações.
      À saída a pessoa despe a roupa, é pesada novamente e se houver uma alteração na pesagem é presa para averiguações sobre os motivos da alteração do peso (não me recordo qual a tolerância da diferença entre a entrada e a saída) e finalmente sai.

      Se alguém conseguir encontrar um esquema que consiga furar este controlo e fazer sair de lá algum tipo de prova, por favor diga-mo.

      Como vê, Hannah, não é fácil arranjar provas das actividades nesse tipo de instalações, onde os verdadeiros segredos estão.

      • Hannah disse:

        É, Fernando Ramos… Eu ainda não havia pensado exatamente nisso que vc descreveu acima. De qualquer modo, o que vc expõe me dá a nítida sensação de que somos mesmo uma espécie subalterna / subjugada perante raças superiores. Este seu discurso me faz pensar que não passamos de fantoches iludidos com a idéia de “soberania de raça” (ao menos neste planeta em que vivemos) capaz de “pensamentos e decisões próprias”…

        • Fernando Ramos disse:

          Sinceramente não vejo o que eu possa ter escrito que a tenha levado a concluir que somos uma raça subjugada.
          Eu diria que pela noção que temos da nossa fraqueza (enquanto civilização terrestre) nós nos adaptámos, aliámos e cedemos meios e materiais em troca de segurança física do planeta (e logo de da civilização).

          Isso faz de nós não uma civilização fraca e subjugada, mas sim uma civilização suficientemente forte (por enfrentar uma ameaça superior) e inteligente (por conseguir gerir a sua fraqueza e transforma-la em vantagens perante uma outra civilização mais avançada).

          Os fantoches aqui não é a civilização terrestre mas sim o povo terrestre (o que é diferente). É ao povo que os governos lhes esconde e nega uma tecnologia que permitiria, sem dúvida, uma qualidade de vida sem igual a todos os níveis.

          Para os que disserem que não estamos socialmente e psicologicamente preparados para enfrentar tal avanço, eu respondo que se todos tiverem acesso a comodidades e às condições básicas e dignas de vida ninguém mais necessitaria de roubar o próximo para obter algo melhor.

          O alimento chegaria a todos e entraríamos num período de paz mundial pois as guerras tenderiam a acabar já que o petróleo deixava de ter razão de ser e por isso deixava de ser cobiçado.

          Com o aparecimento de entidades extraterrestres a religião teria de ser repensada, as histórias bíblicas seriam recontadas (em qualquer das religiões e concluíria-se que as várias religiões mais não eram do que derivações, interpretações e até manipulações de entidades oportunistas e que provinham todas de uma só fonte
          que nada tinha a ver com Deus.

          Perante uma civilização evoluidíssima, com tecnologia para
          além do imaginável pela nossa ficção científica eu nunca me sentiria diminuído, fraco e atrasado. Sentir-me-ia como uma criança se sente perante a quantidade de conhecimento do seu pai e a sua capacidade de conduzir um carro.

          Faria muitas perguntas e seria um chato desgraçado… A vontade de saber faz isso nas pessoas.

    • Torá disse:

      Verdade, Hannah! Pelo menos em 90% dos filmes sobre alienígenas, eles são tratados como inimigos e invasores. Pura lavagem cerebral!! Abração!!!http://ovnihoje.com/wp-content/plugins/wp-monalisa/icons/wpml_sad.gif

    • PauloQ disse:

      Concordo contigo Hannah!

      Imagine que esses caras na época de Noé já tinham tecnologias que nem imaginamos hoje!

      Se forem aquelas mesmas civilizações que nos visitaram a milhars de anos ou outra com a mesma idade, os aparatos tecnológicos deles para nós irão parecer magia.

  42. Cristiano TRX disse:

    Nossa ia lendo o post e lembrando do filme Battle Ship… sem dúvidas battle Ship foi inspirado nessa história…
    Assistam o filme Battle Ship…

  43. Josemir disse:

    Minha singela opiniao quanto a esse assunto:
    .
    FAKE OPORTUNISTA !
    .
    e porque ?
    .
    what that hell!!! a primeira guerra do golfo foi a primeira guerra moderna com a participação direta das potencias belicas utilizando material de ponta contra um inimigo fraquissimo!
    .
    como está bem dito ali, é puro marketing!!!! estreiaram o potente canhao mark em um UFO !!
    .
    .
    .
    vcs conseguem pensar em algo mais publicitario ? 6 balaços e DONW !!! Game Over !

    • Fernando Ramos disse:

      Apenas a minha opinião.
      Até agora ouvi já cerca de 1H30m da entrevista e sinceramente o homem não me convence.
      Pensa muito antes de responder a perguntas simples que o envolveram e que não necessitam de pensar em datas.
      Há contradições e mesmo algumas falhas técnicas que um especialista como ele diz ter sido não deveria ter.
      E principalmente, ele é um pouco narcisista.
      Nota que a entrevistadora já apanhou essas falhas no seu discurso e está a fez as perguntas de forma mais incisiva.

      Mas ainda tenho 1H30m para mudar de opinião.

  44. vulgo07 disse:

    …olá, Fernando….
    …..pôxa…tem razão….relendo, admito que coloquei no mesmo saco e descartei tudo…baita erro…
    .
    …obrigado…não tinha percebido…acho que ando muito pessimista sobre o assunto ultimamente….
    .
    …porém, me deu um grande ânimo poder saber mais sobres as bases…acho que faz sentido, sim…pode me sugerir alguma fonte de informação confiável ?
    .
    Abçs

  45. Adalberto disse:

    Estava tudo muito bem, mas quando falo de reptiliano, bateu um sono….

    Não temos tecnologia abertamente divulgada que poderia fazer algo deste tipo, concordo com alguns comentários que falam que os OVET não são como achamos com campo de foça e taus, mas depois que um OVET desativo e danifico vários misseis nuclear sem disparar um único tipo de armamento, acho mais provável a existência de campos de força que este canhão ter acertado algum OVNI, ainda mais a ponto e destruir o OVET e não quererem fazer buscas dos destroços.
    Se em Roswell peneraram a areia do deserto, neste cado iriam enxugar o mar se preciso pra conseguir recuperar os destroços desta nave.

    E pra finalizar, uma nave deles foi abatida é os ETs não fizeram mais nada, ficaram com medinho dos indios da Terra!?

  46. Cristian Passos disse:

    Causos que o povo conta.

  47. Betto disse:

    P.Q.P, e os objetos vão ate o sol, se carregam com plasma e alguns tiros derruba o objeto. Há,Há,Há. e seis balas derrubou!

  48. paulo disse:

    lol as coisas são tão basicas que não entendo como as pessoas teem tanta imaginação!
    1- Os UFOs para virem ate á terra os seus criadores possuem uma super tecnologia que nem imagina-mos logo se um barquinho desses desse um tiro num UFO super avançado, para alem de não lhe causar qualquer estrago dois segundos depois já tava explodido caso contrario iriam vir mais UFOs e tinha-mos guerra aberta!!!! Simples né?

  49. Fernando Ramos disse:

    Desculpem voltar a mexer neste assunto mas ele, da minha parte, estava pendente.
    Algures, num dos meus comentários referi que tinha enviado um mail ao senhor com algumas perguntas simples (o mail está aqui colocado).

    Ele respondeu-me. Mas há semelhança de outros papagaios, ele respondeu-me não com palavras dele e directamente ao que lhe pedi, mas com um texto que julgo vir do
    seu blogue ( http://johnkettler.com/blog/). Mas nada que não estivesse à espera.

    O texto é algo confuso no que respeita à constituição frásica e de concordância,
    mas deu para perceber. Mas traduzi-o.
    Quem pretender o texto original da resposta basta solicitar-mo para [email protected] mas com a condição de o não publicar em nenhuma plataforma electrónica, escrita ou publicada ou através de vídeo, texto, imagem ou qualquer tipo de suporte para difusão de informação (claro que tudo isto porque eu vos estou a dar a VOCÊS esta tradução livre de uma resposta que parte de uma conversa privada…)

    A resposta foi esta:
    “A todos os que estão fartos das mentiras sem fim que lhes contam e que arriscam
    tudo para revelar a verdade. Eles tiveram autorização dos anões de Obama e o que eles estão a revelar deveria ser noticiado aos noticiários de todo o mundo.

    Os jornalistas conhecem já algumas parets da história mas são constantemente
    atacados sempre que tentam saber mais.

    Aqui está o quanto o governo pode ser duro quando se trata de punir os quem faz revelação através de intimidação para não falarem.
    http://www.facebook.com/l/CAQEhkKd2AQHdXddAA7RZM1p0Vpy8XmSMw-7kQybZGNNkFA/johnkettler.com/urgent-warning/

    Aqui está um exemplo vergonhoso do que é a supressão de uma história de primeira página
    http://www.facebook.com/l/5AQFPvhZ5AQFtN_pk9IsPQULvZFXFeCN8zh22pdC1O-wRtw/johnkettler.com/censorship-why-etseds-never-make-news/

    E aqui está o que aconteceu à família do homem que se atreveu a publicar o facto de uma acção judicial de 43 triliões (43 000 000 000 000) de dólares contra a Reserva Federal e um conjunto de nomes poderosos.
    http://www.facebook.com/l/DAQELutABAQFEd86SPs_8tBJbtAbWmpxfksUoD6FhXmmoKw/theintelhub.com/2012/10/27/cnbc-execs-children-murdered-1-day-after-cnbc-reports-43-trillion-bankster-lawsuit/

    Estas questões que abordei não são jogadas, não são brincadeiras e são da mais alta importância para as pessoas e para o planeta. Eles constituem um sério desafio para
    as profundas crenças de muitos e são uma terrível ameaça não para uma mas para inúmeros encobrimentos e violações constantes da lei dos EUA e das leis internacionais.”

Deixe um comentário

ATENÇÃO: AO SE REGISTRAR NO BLOG 'OVNI HOJE' E AO ESCREVER SEU COMENTÁRIO ABAIXO, VOCÊ ESTÁ CONCORDANDO SER A ÚNICA PESSOA RESPONSÁVEL PELO QUE ESCREVE. VOCÊ TAMBÉM ESTARÁ CONCORDANDO QUE NINGUÉM DA EQUIPE 'OVNI HOJE' É RESPONSÁVEL PELO QUE VOCÊ ESCREVE, E TAMPOUCO PELO QUE OUTROS LEITORES ESCREVEM DENTRO DO SITE, SENDO QUE QUALQUER DESAVENÇA OU IMPORTUNO CAUSADO POR DISCUSSÕES ENTRE LEITORES É DE RESPONSABILIDADE ÚNICA DOS MESMOS.

AJUDE A RAÇA HUMANA EVOLUIR: TRATE SEU COLEGA DE COMENTÁRIOS ASSIM COMO VOCÊ MESMO QUEIRA SER TRATADO. -n3m3-
Enviar comentário

© 2014 OVNI Hoje!. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.
close next picture next picture
Original Picture...
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
,