web analytics

Físicos dizem que nêutrons poderiam estar viajando para mundo paralelo

01/09/2012 | Por n3m3 | 35 Comentários Mais
Compartilhe com a galáxia:

A estrutura ‘quark’ de um nêutron (Arpad Horvath)

Uma equipe de físicos alegam que uma anomalia no comportamento de partículas ordinárias podem apontar para a existência de partículas ‘espelho’, as quais poderiam fazer parte da elusiva matéria escura, responsável pela perda de massa do Universo.

Em um estudo publicado no European Physical Journal C, a equipe apresentou a hipótese da existência de partículas ‘espelho’ para explicar a perda anômala de nêutrons observada nos experimentos.  A existência de tal matéria ‘espelho’ havia sido sugerida em vários contextos científicos há algum tempo, inclusive com a procura de matéria escura apropriada.

O Dr. Zurab Berezhiani e Dr. Fabrizio Nesti, físicos teóricos da Universidade de l’Alquila, na Itália, reanalisaram os dados do experimento conduzido pelo grupo de pesquisa do Dr. Anatoly Serebrov, do Instituto Laue-Langevin, França.  A reanálise mostrou que a taxa de perda de nêutrons livres muito lentos pareceu depender da direção e da força do campo magnético aplicado.  Esta anomalia não poderia ser explicada pela física conhecida hoje.

Isto poderia estar acontecendo devido a um mundo paralelo hipotético, consistindo de partículas ‘espelho’ “, disse o Dr. Berenzhiani.

Cada nêutron teria a habilidade de transitar para dentro deste gêmeo ‘espelho’ invisível, e voltar, oscilando de um  mundo para o outro.  A probabilidade de tal transição ocorrer foi prevista ser sensível à presença de campos magnéticos, e poderia assim ser detectada experimentalmente“.

Esta oscilação nêutron-espelho-nêutron pode ocorrer dentro de escala de tempo de poucos segundos.  A possibilidade de tal desaparecimento rápido de nêutrons — muito mais rápido do que a deterioração de nêutrons de 10 minutos de duração — embora surpreendente, não pode ser excluída pela existência dos limites experimentais e astrofísicos.

Tal interpretação está sujeita às condições de que a Terra possua uma campo magnético espelho, na ordem de 0,1 Gauss.  Esse campo poderia ser induzido pelas partículas espelho que vagam pela galáxia em forma de matéria escura.  Hipoteticamente, a Terra poderia capturar a matéria espelho por intermédio de interações fracas entre partículas ordinárias e aquelas de mundos paralelos.

Se provada verdadeira, as implicações da existência de um mundo paralelo são inúmeras, estendendo-se do âmbito científico até ao religioso.

n3m3

Fonte: www.sci-news.com

Colaboração: Fernando Ramos, Henrique C.O

Compartilhe com a galáxia:

Tags: ciência, física, nêutron, OvniHoje

Category: Notícias, OH

close next picture next picture
Original Picture...
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE