web analytics

Astrônomos que alegaram ter visto OVNIs

São muitas as pessoas que dizem que se os OVNIs fossem reais, os astrônomos também os viriam, pois estão constantemente olhando para o céu.  Mas o que elas não sabem, e que eles os vêem.  A diferença é que a maioria dos astrônomos simplesmente não fala a respeito disso, para não perderem sua credibilidade profissional.  Afinal de contas, alegar que a Terra é redonda é uma heresia.

Mas existem astrônomos, e alguns deles famosos, que tiveram a coragem de mencionar sobre seus avistamentos de OVNIs.

Começaremos com um dos mais famosos astrônomos que teve esta coragem: o descobridor de Plutão,  professor Clyde Tombaugh.

Em uma entrevista com Eugen Semitjov, um jornalista de astronomia com dupla cidadania (russa/sueca), do jornal sueco Expressen, Tambaugh disse em 1973 que seu primeiro avistamento ocorreu quando ele trabalhava na área de testes White Sands, nos EUA, em 20 de agosto de 1949.  Na época ele trabalhava como Werner Von Braun no programa espacial.  Tombaugh era encarregado do controle óptico dos foguetes.  O avistamento ocorreu em Las Cruses.

Abaixo está a entrevista traduzida do livro de Eugen Semitjov, “De Otroliga Tefaten“, ou “Os Incríveis Discos Voadores”.

Tombaugh: “Era uma noite incrivelmente limpa. Até mesmo as estrelas de sexta magnitude eram claramente visíveis; normalmente mal podem ser vistas a olho nu.  Era por volta das 22h45min quando os pontos de luz apareceram quase na altura do zênite.  eles brilhavam uma luz amarela esverdeada fraca e pareceram estar distribuídos de forma geometricamente iguais – dois ou três deles na frente, e outros atrás, um em cada aresta de cada lado.  O grupo todo não era maior do que a metade da Lua cheia.  A formação se estreitou à medida que se afastava, como se estivesse encolhendo em largura…  …no total, eu os vi por somente 3 a 4 segundos.  Não houve qualquer som.  Eu apontei, mas minha esposa somente os viu por um segundo antes de desaparecerem.  Eu nunca havia visto nada igual durante todos os meus anos que vigiei o céu“.

Após esta declaração, ele disse: “Nunca podemos excluir a possibilidade de que alguns dos casos de OVNIs sejam visitantes extraterrestres.  Mas eu tenho dificuldades em acreditar nisso antes de ver alguma prova autêntica.  Tenho que ser reservado; não posso dizer que sim, ou não.  Têm havido tantas farsas neste campo, e tantos enganos de julgamento – OVNIs certamente têm tido uma má reputação…

Quando lhe foi perguntado se ele teve mais avistamentos, ele disse:

Na década de 50 eu vi mais dois OVNIs, se posso chamá-los assim.  Eu estava aqui em Las Cruses.  Eles eram totalmente diferentes.  Um deles eu vi em plena luz do dia.  Era como uma estrela berrante – com uma luz intensa, mais brilhante do que Vênus…

Tombaugh evita falar sobre o segundo objeto que ele alega ter visto, mas finalizou:

Quem sabe?  Podem mesmo ser naves alienígenas que em poucas ocasiões visitam o nosso planeta; quem sabe?  É possível que as estrelas em nossa vizinhança estejam rodeadas de planetas que são habitados por civilizações avançadas – que tenham alcançado a era espacial há muito tempo.  Mas se eles viajam até aqui, é uma questão em aberto…

Abaixo, outros cientistas que declararam ter avistado OVNIs:

– Verão de 1948, Carl Mitchel, físico: Três discos luminosos esverdeados, separados por um segundo, passam pelo céu do norte para o sul, e por sobre o horizonte.

– 20/5/1951, Walter Webb, astrônomo. Luz brilhante se movendo em uma trajetória ondulada.

– 1952, W. Gordon Graham, astrônomo.  OVNI “parecido com um anel de fumaça, de forma elíptica, e com dois pontos brilhantes de luz ao longo de seu eixo”, passou do oeste para o leste.

– 05/8/1952, James Bartelett, Jr., Baltimore, Maryland – EUA.  Enquanto fazendo observações de Vênus durante o dia, viu dois objetos em forma de disco, passando por sobre o sul de Baltimore, e então virando para o leste.  Logo após, mais dois discos apareceram acima, com cúpulas em seus centros.  Bartlett, anteriormente um cético, declarou: “OVNIs existem.  Eles são algum tipo de mecanismo, nave controlada, origem desconhecida“.

– 11/6/1954, H. Percy Wilkins, astrônomos.  Dois objetos prateados “como pratos de metal polido“, se movendo contra o vento.  Um terceiro objeto, desta vez oval, cruzou o céu.

– 25/11/1954, Marcos Guerci, meteorologista.  Dois objetos luminosos observados de um aeroporto; um aparentemente semi-circular, outro circular.

– 07/12/1954, R. H. Kleyweb, meteorologista. Disco hemisféricos observados através de um teodolito.

– 01/11/1955, Frnak Halstead, astrônomo.  Objeto em forma de charuto seguido por um disco.

– 18/06/1957, Henry Carlock, físico. Observando o céu com um telescópio, por duas vezes avistou um OVNI com um brilho ao seu redor.  O objeto parecia ter três escotilhas.

– 10/11/1957, Jacques Chapuis, astrônomo.  No Observatório de Toulouse, observou objetos similares a estrelas de cor amarelada, por 5 minutos. “Foi algo que  nunca vi antes”. Os OVNIs finalmente subiram direto para cima, além do alcance da visão.

-16/3/1961, R. J. Villela, meteorologista na Antártica. Objeto similar à uma bola de fogo, voando a baixa altitude.

– 20/5/1962, C. A. Maney, físico e mais seis colegas.  Luzes manobrando, fazendo curvas fechadas e mudando de velocidade.

E estes são somente alguns dos cientistas que tiveram a coragem de revelar seus avistamentos, sem adentrarmos muito na década de 1960.

n3m3

 

Fonte das informações:  www.disclose.tv

Colaboração: João Roberto Beltramo

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh