web analytics

Estudante egípcia inventa sistema de propulsão revolucionário

Propulsor de íon, desenvolvido pela NASA: ainda requer combustível.

Aisha Mustafa.  Lembre-se deste n0me, pois poderá entrar para a história da ciência.

Mustafa é uma egípcia de 19 anos, aluna de física, o qual patenteou um novo tipo de propulsão para espaçonaves.  Esta propulsão usa física quântica de ponta, ao invés de propulsores.

A idéia por detrás do motor de propulsão de Mustafa não envolve vácuo, ondas ou energia.  Ao invés disso, ela se baseia no fato de que o espaço do universo, supostamente vazio, está preenchido por um mar de partículas e anti-partículas, que surgem repentinamente e então aniquilam umas às outras em um curto período de tempo, e por isso são de difícil detecção.

A jovem inventora criou uma forma de extrair este efeito quântico, por intermédio do que é conhecido como o Efeito Cassimir Dinâmico.  Este efeito usa uma cavidade de “espelho móvel”, onde duas chapas altamente planas e refletivas são colocadas próximas uma da outra, e então movimentadas levemente para interagirem com o mar de partículas quânticas.  O resultado final é que o uso de chapas de silicone formadas, propostas por Mustafa, similares àquelas usadas em células de força solares, resulta na produção de uma força líquida.

Como propulsão para o espaço, isto é sensacional.  A maioria da espaçonaves usam o princípio do foguete como propulsão, ou seja, combustível é transformado em energia, a qual escapa do motor por uma abertura, empurrando assim o foguete.  Para manobras no espaço, diferentes tipos de foguetes são usados, mas mesmo os mais exóticos, como os de íon (mostrado na imagem no início deste artigo), precisam de combustível.  Esse não é o caso do sistema de propulsão proposto por Mustafa.

O invento de Mustafa promete tanto, que a equipe da universidade onde ela estuda a ajudou com os formulários de patente.  Ela pretende aprimorar ainda mais o projeto, na esperança de testá-lo no espaço.  Contudo, não há apoio financeiro para o departamento de ciências espaciais e isto está segurando importantes pesquisas de serem conduzidas em um país em conflito, como é o caso do Egito.

n3m3

Fonte: www.fastcompany.com

Colaboraçao: Fernando Ramos

 

Termos recém pesquisados por leitores:

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh