web analytics

Neil Armstrong para NASA: “Vocês são embaraçosos!”

26/09/2011 | Por | 82 Comentários Mais
Compartilhe com a galáxia:

Neil Armstrong, o primeiro homem a caminhar na Lua [que se tem registro – n3m3], disse para o Comitê de Ciências, Espaço e Tecnologia dos EUA na quinta-feira passada que o fim da era dos ônibus espaciais é “embaraçoso“.

Nós não teremos mais acesso estadunidense para a órbita espacial e para a Estação Espacial Internacional, por um período de tempo indeterminado no futuro“, disse Armstrong ao Comitê.

Para um país que investiu tanto, por tanto tempo, para alcançar a posição de liderança na exploração do espaço, esta condição é vista por muitos como lamentavelmente embaraçosa e inaceitável“, continuou Armstrong.

O ex-astronauta foi parte de um painel de quatro membros, peritos em assuntos espaciais, que disse aos membros do comitê que a NASA precisa uma visão mais forte para o futuro e deveria focar em projetos que visam o retorno de humanos até a Lua e para a Estação Espacial.

Uma liderança, embora vencida de forma cara e de maneira séria,  uma vez perdida é quase impossível de ser readquirida“, disse Armstrong, agora com 81 anos de idade, que foi o comandante da missão Apollo 11 e caminhou na superfície da Lua em 1969.

O presidente Barack Obama cancelou o programa Constellation, que retornaria os humanos à Lua e, ao invés disso, pediu para a NASA focar em novos projetos voltados ao espaço profundo, para alcançarem um asteróide em 2025, e Marte em 2030.

A interrupção das missões de ônibus espaciais, que durou três décadas, trouxe um final à capacidade dos EUA de enviar humanos ao espaço até que a indústria privada obtenha sucesso com uma cápsula espacial comercial, talvez em 2015.

Enquanto isso, as cápsulas russas Soyuz são as únicas formas para os humanos alcançarem o espaço, e cada ‘passagem’ de ida e volta custa em torno de US$ 50 ou US$ 60 milhões.

Tirem o ônibus espacial da garagem lá no Kennedy [Space Center], liguem os motores e os retornem ao serviço“, disse Eugene Cernan, que comandou a missão Apollo 17 e foi o último homem a pisar na Lua em 1972.

Hoje, estamos no caminho da decadência.  Estamos vendo o livro de décadas de liderança sendo fechado…“, continuou Cernan.

n3m3

Fonte: news.discovery.com

—–

EDITORIAL:

Esta é uma triste realidade, e muito se fala que estes são reflexos da crise nos EUA.

Contudo, eu me pergunto: com tantos avistamentos de OVNIs triangulares não só pelo mundo todo, mas principalmente naquele país, não teriam os Estados Unidos já desenvolvido, através de um projeto altamente secreto, algum outro tipo de tecnologia para alcançar o espaço de forma mais barata e rápida?

Esta é somente uma especulação de minha parte, contudo, é muito difícil acreditar que um país que liderou a tecnologia espacial por décadas abriria mão tão facilmente desta posição, principalmente quando outros países como a China e a Índia já almejam alcançar a Lua de forma agressiva.

n3m3

Compartilhe com a galáxia:

Tags: , , ,

Category: Editoriais, Fotos, Notícias

close next picture next picture
Original Picture...