web analytics

“Roswell” da Grã-Bretanha não apareceu nos arquivos de OVNIs que foram liberados

Foto meramente ilustrativa.

Como publicado aqui no OVNI Hoje, dia 03 passado, o Ministério Britânico de Defesa liberou milhares de documentos governamentais relacionados aos avistamentos e relatos dos OVNIs.  Contudo, houve um arquivo, ou série de arquivos que, de forma suspeita, faltaram: O Incidente da Floresta de Rendlesham, melhor conhecido como o “Roswell Britânico”

Neil Henderson, correspondente da BBC, apontou que, “Os arquivos que faltavam eram relacionados a um relato de luzes misteriosas por militares dos EUA na base aérea de Woodbridge, em Suffolk na Inglaterra em 1980.  O desaparecimento veio à tona com a liberação de 8.000 documentos sobre OVNIs, que previamente eram secretos.  Foi encontrado um “grande espaço vazio” onde os arquivos relacionados a este caso deveria estar.

David Clarke, o autor de “The UFO Files: The Inside Story of Real-Life Sightings“, (Os arquivos de OVNIs: A História por Detrás dos Bastidores de Avistamentos da Vida Real – n3m3), que tem trabalhado com os Arquivos Nacionais Britânicos desde 2008 para liberar a informação, esclareceu a situação.  “Os arquivos de Rendlesham não foram destruídos.  O que foi perdido ou destruído foi uma série de arquivos de OVNIs da inteligência da Defesa que datavam desde 1980 a 1982,” ele disse.  Mesmo incluindo informações sobre o caso Rendlesham, Clarke apontou que estes arquivos já tinham sido liberados anteriormente.  “Não há evidência de que aqueles arquivos continham algo diferente do conteúdo atual do arquivo Rendlesham, que foram liberados há alguns anos.

Mas, não é suspeito que quaisquer arquivos sobre OVNIs tenham sido destruídos?  Poderiam estes arquivos conter prova conclusiva de que estamos sendo visitados por alienígenas?  Clarke acha que não: “Por que os arquivos foram destruídos?  A resposta mais provável é que, na época, a equipe de inteligência acreditava que eles não continham nada que fosse de valor para preservar.  Vale a pena apontar que por volta de 95% de todos os arquivos governamentais britânicos são destruídos após a primeira revisão.  Muitos, muitos outros arquivos de OVNIs têm sido destruídos, inclusive a maioria dos [arquivos] da década de 1950, quando o assunto não era considerado como tendo relevância histórica… Assim, enquanto há uma tendência de pensarem se tratar de uma conspiração, não é lá o que as pessoas estão falando.

Será?

É verdade que arquivar e gravar todos os documentos oficiais de um país seria uma tarefa impossível e muito custosa. Mas então por que não foram apagados alguns dos arquivos que foram liberados a pouco, já que estes pareciam ser erros de identidade?

Ou os arquivos perdidos (se realmente estão perdidos) contêm informação tão mundana que não valeria a pena mantê-los, ou eles continham informação tão dramática e explosiva que precisavam ficar ocultos.

Infelizmente, não parece que saberemos tão logo.

n3m3

Fonte da notícia: www.livescience.com

Colaboração: Leandro

"

ATENÇÃO: Os comentários abaixo são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprio autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências por eles causados, como também reserva o direito aos seus moderadores de banir qualquer usuário que bem determinarem. Ao usar a área de comentários abaixo, você concorda com esses termos.

Assim, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando tais comentários como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.

Ad Blocker Detectado

Olá leitor. O OVNI Hoje depende dos anúncios aqui publicados para que seja possível pagar sua hospedagem e trazer notícias a você de forma gratuita. Por favor, considere nos apoiar desabilitando o seu bloqueador de anúncios. Obrigado

Refresh